Pai protesta contra impunidade do assassino do filho com outdoor em Vitória

Polícia

Pai protesta contra impunidade do assassino do filho com outdoor em Vitória

O jovem Felippo Pelis, de 29 anos, foi assassinado em julho de 2015 e o assassino que confessou a autoria continua foragido

Redação Folha Vitória

Um protesto silencioso está comovendo motoristas e moradores da Avenida Fernando Ferrari, em Vitória. O manifesto é de um pai, que perdeu o filho há dois anos e ainda sofre com a impunidade. 

Filippo Pelis, de 29 anos, foi assassinado dentro do prédio onde morava, na Praia da Costa, em Vila Velha. O crime aconteceu no dia 10 de julho de 2015 e o assassino que confessou a autoria continua foragido.

Para protestar e pedir atuação das autoridades, o pai da vítima colocou um outdoor perguntando onde está o assassino. 

Gerges Tannais Boueri, suspeito de matar Filippo, foi detido a poucos metros do local do crime. Depois de preso, o jovem confessou e contou aos policiais que matou Felippo. Cerca de um ano depois, quando já estava preso pelo homicídio, ele foi internado sob escolta em um hospital particular localizado no bairro Divino Espírito Santo.

No entanto, o servidor que o acompanhava teria sido rendido por dois homens e algemado no hospital. Com o agente imobilizado, a dupla saiu da unidade com o preso. Eles teriam fugido em um veículo que os aguardava no estacionamento do hospital. 

Georges está foragido do sistema prisional desde 24 de abril de 2016 e continua sendo procurado pela polícia. Quem tiver informações sobre o foragido deve entrar em contato com o Disque-Denúncia, pelo telefone 181.