Manifesto de vereadores pede duplicação da BR 101 no ES

Política

Manifesto de vereadores pede duplicação da BR 101 no ES

No documento, os vereadores destacam a ausência de estrutura em diversos trechos da BR101, considerados um dos mais perigosos aos seus usuários pela Polícia Rodoviária Federal

Redação Folha Vitória

Vereadores das Câmaras Municipais de 23 cidades do Espírito Santo assinaram um manifesto pela duplicação da BR 101, alertando para o dever das concessionárias de garantir segurança aos seus usuários. O documento é dirigido ao Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil, à Superintendência Regional do DNIT no Estado do Espírito Santo e à ECO 101.


"Os parlamentares signatários manifestam-se em favor de maiores investimentos e rigor quando da fiscalização dos serviços prestados diretamente ou indiretamente (a ECO 101 é a concessionária), como no caso em questão a fim de fazer cumprir o que já é disposto em lei, qual seja, a segurança dos usuários nos trechos da citada Rodovia no Espírito Santo”, declaram no Manifesto.

O Presidente e vereador Vinicius Simões (PPS) assinou o documento representando a Câmara de Vitória. Outras 22 Câmaras municipais foram representadas: Apiacá, Alegre, Marechal Floriano, Guaçuí, Baixo Guandu, Aracruz, São Domingos do Norte, Alfredo Chaves, Brejetuba, Rio Bananal, Iúna, Irupi, Piúma, Santa Leopoldina, Pancas, Domingos Martins, Fundão, Viana, Colatina, Guarapari, Vila-Velha e Venda Nova do Imigrante.

De acordo com os vereadores, a iniciativa vem no sentido de evitar que se repitam situações como o acidente ocorrido no dia 22 de junho de 2017, no KM 343 da BR101 (próximo ao trevo da Cidade de Guarapari), envolvendo duas ambulâncias, ônibus e carreta que culminou na morte de 22 pessoas.

Os vereadores destacam a ausência de estrutura em diversos trechos da BR101, considerados pela Polícia Rodoviária Federal um dos mais perigosos aos seus usuários. Nesses pontos inexiste acostamento ou eles têm dimensões inferiores às recomendadas.