Governo deve antecipar 13º do INSS e abono salarial para aposentados e pensionistas

Economia

Governo deve antecipar 13º do INSS e abono salarial para aposentados e pensionistas

A iniciativa é vista com bons olhos pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, porque não tem custo fiscal

Foto: Reprodução

O Governo Federal deve anunciar ainda nesta semana a antecipação do pagamento do 13º salário de aposentados e pensionistas neste ano. O pagamento do abono salarial também será antecipado.

A medida estava em estudo como forma de compensar o fim do auxílio emergencial, programa por meio do qual o governo injetou R$ 254 bilhões na economia, desembolsando recursos para 66,4 milhões de pessoas. A ideia é que os pagamentos comecem entre fevereiro e março.

A iniciativa é vista com bons olhos pelo  ministro da Economia, Paulo Guedes, porque não tem custo fiscal: os recursos já estavam previstos no orçamento e serão apenas desembolsados com antecedência.

Medidas

A equipe econômica acredita que, com isso, será possível observar a reação ao que é definido internamente como "desmame" do auxílio emergencial. Outras medidas estão em estudo, como a reformulação ou ampliação do Bolsa Família.

O Ministério da Economia, por isso, deve insistir com a ideia da aprovação da Carteira Verde e Amarela, que reduz custo de contratação de funcionários jovens. A proposta, no entanto, é polêmica e a primeira tentativa de aprová-la no Congresso fracassou.