• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Meirelles diz que PIB está na direção para avançar 3% em 2018

  • COMPARTILHE
Economia

Meirelles diz que PIB está na direção para avançar 3% em 2018

Meirelles destacou a atuação do atual governo na recuperação da economia brasileira lembrando que, depois de assumir o País com uma contração de 5,2% em 12 meses

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, destacou nesta sexta-feira, 23, a queda dos juros básicos no País, afirmando que os brasileiros com alguma dívida pagarão R$ 80 bilhões a menos em juros este ano, dinheiro que pode ser usado em mais consumo pelas famílias.

Em evento para inaugurar a ampliação da capacidade de produção de uma fábrica do grupo Fiat-Chrysler Automobiles, em Goiana (PE), o ministro da fazenda e presidenciável lembrou que o valor é o dobro do que o liberado no ano passado através da liberação do resgate das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

"Quero mostrar um dado para os senhores. O Brasil liberou em 2017, por decisão do presidente Temer, cerca de R$ 40 bilhões do FGTS, o que ajudou a recuperar consumo. Aquilo que os brasileiros estão deixando de gastar para pagar empréstimos pela redução dos juros este ano equivale a mais de R$ 80 bilhões, que vão permitir à população gastar mais", afirmou o ministro. Na quarta-feira, o Banco Central reduziu a taxa básica de juros para 6,5%, seu menor patamar nominal histórico.

Meirelles destacou a atuação do atual governo na recuperação da economia brasileira lembrando que, depois de assumir o País com uma contração de 5,2% em 12 meses, o presidente chega ao último ano de mandato com perspectiva de expansão de 3,0% do Produto Interno Bruto (PIB). Ele disse ainda que os brasileiros estão ganhando melhor e tendo mais oportunidades de emprego, "o que é melhor que qualquer programa social".

Para o ministro, a economia está crescendo de forma sustentada após vários anos de "voos de pato" (sic). "Isto é o Brasil acontecendo hoje, o Brasil que está investindo e crescendo", resumiu.