• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Weidmann, do BCE, diz que elevar juros em meados de 2019 "não é irrealista"

  • COMPARTILHE
Economia

Weidmann, do BCE, diz que elevar juros em meados de 2019 "não é irrealista"

O presidente do Banco Central da Alemanha (Bundesbank), Jens Weidmann, disse hoje que a hipótese de o Banco Central Europeu (BCE) começar a elevar seus juros básicos em meados de 2019 "não é totalmente irrealista"

Weidmann, que falou durante evento em sua homenagem organizado pelo banco central austríaco, também ressaltou a importância de o BCE começar a retirar seu programa de relaxamento quantitativo (QE, pela sigla em inglês) em breve.

Pelo cronograma do QE, o BCE pretende comprar 30 bilhões de euros em bônus soberanos e outros ativos mensalmente até setembro. Alguns analistas, no entanto, acreditam que o BCE poderá estender o programa até o fim do ano, provavelmente reduzindo as compras mensais.

Segundo Weidmann, o fim do QE será apenas o início de um processo de normalização da política monetária que se estenderá ao longo de anos e a retirada gradual dos estímulos dará ao BCE mais espaço para reagir a futuros choques econômicos. Com informações da Dow Jones Newswires.