• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

No interior de SP, vans, motos e pescadores fazem atos de apoio à greve

  • COMPARTILHE
Economia

No interior de SP, vans, motos e pescadores fazem atos de apoio à greve

Caminhoneiros que mantinham as paralisações em rodovias, nesta sexta-feira, 25, apesar do acordo anunciado pelo governo federal, ganharam manifestações de apoio de outras categorias, no interior de São Paulo.

Em Piracicaba, cerca de 80 condutores de vans fizeram uma passeata, nesta manhã, para reforçar a paralisação dos caminhoneiros, que se concentravam no km 169 da rodovia Gerado de Barros (SP-304). As vans seguiram em fila da rodovia até a região central da cidade. Viaturas d Guarda Civil Municipal acompanhavam a manifestação, encerrada na Rua do Porto, à margem do Rio Piracicaba.

Em Araraquara e São Carlos, grupos de motociclistas realizaram atos para apoiar os caminhoneiros concentrados em vários pontos da rodovia Washington Luís (SP-310). As motos fizeram buzinaços também em Santa Gertrudes e Rio Claro, onde há protestos. Em Ribeirão Preto, motoristas dos aplicativos Uber e 99 POP colocaram faixas e fizeram um ato de apoio aos caminhoneiros no posto de distribuição da Petrobras.

Em São Sebastião, litoral norte de São Paulo, pescadores bloquearam o canal que separa a cidade de Ilhabela, nesta sexta, impedindo a passagem de balsas.

O protesto começou às 8h50 e o bloqueio foi suspenso por volta das 10 horas, quando o serviço foi retomado. No fim da tarde de quinta-feira, 24, barcos de pesca já haviam bloqueado o acesso de navios ao Porto de Santos, em apoio à greve dos caminhoneiros. Dois navios foram impedidos de deixar o cais.