• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Anatel registra queda de 11,1 % nas reclamações em julho

  • COMPARTILHE
Economia

Anatel registra queda de 11,1 % nas reclamações em julho

As queixas sobre cobrança lideraram nos serviços de telefonia móvel pós-paga (51,37%), TV por assinatura (50,01%) e telefonia fixa (39,79%)

O número de reclamações feitas na Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) em julho caiu 11,1% ante igual mês do ano passado, para 281,1 mil. Com exceção da TV por Assinatura, que registrou alta de 5,8%, com 41 mil queixas, os outros serviços de telecomunicações apresentaram redução: telefonia móvel, com 133,5 mil reclamações (-16,8%), telefonia fixa, com 60,6 mil (-12,8%), e banda larga fixa, com 43,9 mil (-3,9%).

Segundo a agência, as queixas sobre cobrança lideraram nos serviços de telefonia móvel pós-paga (51,37%), TV por assinatura (50,01%) e telefonia fixa (39,79%). O maior conjunto de reclamações na banda larga fixa foi o de qualidade do serviço (45,73%). Na telefonia móvel pré-paga foram relativas a créditos (48,12%).

O segundo lugar no maior conjunto queixas foi para a cobrança na banda larga fixa (21,85%), e para a qualidade do serviço na telefonia fixa (20,45%) e na TV por Assinatura (11,01%). Reclamações relativas a ofertas, como promoções e bônus, foram também o segundo maior grupo de queixas na telefonia móvel pré-paga (15,49%) e pós-paga (10,07%).

Operadoras

Todas as prestadoras de telefonia móvel apresentaram redução no número de reclamações em julho ante o mesmo mês de 2016. A empresa mais reclamada foi a TIM com 45,3 mil queixas (-13,7%), seguida pela Vivo com 32,6 mil (-17,3%), Claro com 29,4 mil (-10%), Oi com 16,8 mil (-21,4%) e Nextel com 8,9 mil (-37,9%).

Na telefonia fixa, todos os grupos acompanhados pela Agência também apresentaram redução: Oi, com 32,1 mil reclamações (-18,3%), Vivo, com 18,5 mil (-8,5%) e NET/Claro, com 8,2 mil (-1,3%).

Com 3,4 mil reclamações registradas em julho, somente a Oi apresentou queda no volume registrado pela Anatel na TV por Assinatura (-25,9%). Os outros grupos acompanhados pela agência reguladora apresentaram aumento: Net/Claro, com 19,4 mil queixas (+10%), Sky, com 15,2 mil (+11,7%) e Vivo, com 2,7 mil (+3,8%).

Os dados de julho na banda larga fixa em comparação com o mesmo mês do ano passado indicaram redução para as prestadoras Oi, 18,8 mil reclamações em julho (-6,6%), e Vivo, 12,4 mil (-6,2%). A NET registrou aumento, 7,5 mil queixas (+22,3%).