• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Litoral Sul do Espírito Santo terá Fórum Permanente para discutir desenvolvimento econômico

  • COMPARTILHE
Economia

Litoral Sul do Espírito Santo terá Fórum Permanente para discutir desenvolvimento econômico

Um diagnóstico foi elaborado pelo Sebrae-ES para mostrar como está a situação da região dentro do contexto estratégico e fornecer informações para a mudança da realidade a partir do conhecimento

Na última segunda-feira (27), foi lançado, na Câmara de Vereadores de Anchieta, o Fórum Permanente de Discussão do Litoral Sul do Espírito Santo. O projeto tem como objetivo debater questões que envolvem o desenvolvimento econômico, social e sustentável da região. Ao todo, oito cidades compõem o litoral sul: Anchieta, Alfredo Chaves, Iconha, Itapemirim, Marataízes, Piúma, Presidente Kennedy e Rio Novo do Sul.

O Fórum pretende fomentar o crescimento econômico como forma de melhoria da qualidade de vida dos moradores dessas cidades. As Câmaras reunirão propostas que visam o crescimento das cidades envolvidas, especialmente pelo forte impacto das atividades econômicas geradas pela crise e pela paralisação da Samarco Mineração, em Anchieta.

Durante o evento, foi assinado o Protocolo de Intenções, que tem o intuito a cooperação e o intercâmbio técnico entre as Câmaras de Vereadores, que integram a região Litoral Sul. Através do projeto, serão realizados programas e eventos, ações para debater o desenvolvimento regional, cursos e treinamentos aos servidores dos Legislativos, além de agendas de trabalho para debater problemas e soluções para os municípios da região.

O presidente da Câmara de Anchieta e coordenador geral do Fórum, Tássio Brunoro, disse que a união vai contribuir para discutir o fortalecimento da região. “Debater a região é pensarmos juntos o futuro de todos nós que estamos nessa região, que está estrategicamente localizada, com enorme potencial, mas que precisa de uma melhor atenção para que possamos utilizarmos desse potencial”, completa.