• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Cachoeiro de Itapemirim vira a capital nerd neste sábado

  • COMPARTILHE
Entretenimento

Cachoeiro de Itapemirim vira a capital nerd neste sábado

Município recebe autores e críticos literários, como o carioca Diego Ribeiro, para o Encontro Brasileiro de Literatura Fantástica, na Bienal Rubem Braga

Neste sábado (19), a 7ª Bienal Rubem Braga, em Cachoeiro, apresentará mesas de debates dedicadas à Literatura Fantástica durante congresso brasileiro que reunirá autores e críticos literários do Espírito Santo, do Rio de Janeiro e de São Paulo. Esse segmento literário é um dos que mais cresce no Brasil e no mundo não apenas por reunir fãs de sagas como “O Senhor dos Anéis” ou “Games of Thrones”, mas também por unir os amantes dos universos geek e nerd. Com isso, o município será o centro das atenções da fantasia literária.

O Encontro Brasileiro de Literatura Fantástica terá início às 8h30. Serão cerca de sete horas de debates divididos em cinco mesas ao longo do dia, em um espaço criado especialmente para o público especializado.

“Entre outras novidades, essa será a bienal mais nerd de todos os tempos. Além de um auditório para o apoio dos autores e enriquecimento dos debates, teremos um espaço inédito dedicado à Fantasia. Essa é uma tendência mundial assimilada entre as principais bienais e que trazemos para Cachoeiro”, afirma o subsecretário de Cultura do município e curador da feira literária, Lucimar Costa, destacando que o evento resulta do encontro com escritores do Estado promovido no município em 2017.

O Encontro Brasileiro de Literatura Fantástica tem a curadoria do escritor capixaba Romulo Felippe, autor da fantasia medieval “Monge Guerreiro” (que será relançada no Brasil pelo selo 'Cavaleiro Negro' e na Europa pela editora italiana Newton Compton) e a organização do Acervo do Leitor/Reino dos Livros (maior grupo literário de fantasia da América Latina).

Entre os cerca de 60 escritores que participarão da Bienal Rubem Braga, 17 nomes estão ligados diretamente aos debates de fantasia. Entre os autores estão os capixabas Luiz Paulo Faustini, Elysanna Louzada, Tatiana Mareto, Braga Junior, Romulo Perrone e Romulo Felippe. Dentre os cariocas figuram nomes como Gabriel Tennyson, Felipe Castilho, Ana Lúcia Merege, João Paulo Silveira, Leonardo Reis, André Regal e Diogo Ramos. As mediações ficarão por conta dos críticos literários Diego Ribeiro (RJ) e Artur Moraes (SP).

“O público terá a oportunidade de conversar com os autores, debater sobre as suas obras e, principalmente, descobrir a metodologia adotada na criação de mundos fantásticos e personagens épicos”, explica o autor e jornalista cachoeirense Romulo Felippe. Mesas como “O que é Fantasia?”, “Como publicar”, “Mundos fantásticos”, “O crescimento do universo HQ” e “A jornada da literatura fantástica no Brasil e no mundo” elevarão o nível dos debates. “A maior bienal interiorana do país está ajudando a construir uma nova geração de leitores, sem dúvida alguma”, enfatiza.

A programação completa, totalmente gratuita, bem como o espaço para inscrição em mesas-redondas, oficinas e parte das atrações para o público infantojuvenil podem ser acessados no site oficial: bienalrubembraga.cachoeiro.es.gov.br. O evento começou na terça-feira (15) e segue até o domingo (20).