• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Salma Hayek critica atores por aceitarem salários milionários: - Não deixam nada para as mulheres

  • COMPARTILHE
Entretenimento

Salma Hayek critica atores por aceitarem salários milionários: - Não deixam nada para as mulheres

Durante o Festival de Cannes no último domingo, dia 13, Salma Hayek foi a grande voz dos movimentos #MeToo e Time's Up. Segundo informações do jornal The Guardian, a artista criticou a postura dos atores da indústria do entretenimento, alegando que a desigualdade salarial em Hollywood também é culpa deles.

- Não são só os produtores. São os atores também. Se eles pedem tantos juros, não deixam nada para as mulheres. Se o orçamento do filme é de 10 milhões, os homens precisam entender que, se recebem 9,7 milhões, será difícil para a igualdade. Caso contrário, eles matam o filme. Serei odiada por ter dito isso. Espero que eu consiga arrumar outro trabalho, desabafou.

Apesar disso, Salma também admitiu que as coisas não irão mudar do dia para a noite.

- A disparidade salarial vai demorar um pouco, porque eles ainda querem pagar o salário exploratório que pagavam antes. Nós devíamos ter ficado bravas antes. Devíamos ter nos unido anteriormente - foi isso que eu fiz.

Harvey Weinstein

A atriz ainda citou a reação de Harvey Weinstein às acusações de assédio sexual feitas por ela e pela atriz Lupita Nyong'o.

- Nós somos as mais fáceis de se desacreditar. É um fato claro. Ele atacou as duas mulheres de cor na esperança de nos desmentir, revelou à revista Variety, referindo-se à etnia de Lupita e sua própria nacionalidade, já que nasceu no México.

Benedict Cumberbatch

O ator Benedict Cumberbatch revelou durante entrevista à Radio Times que rejeitará papéis que paguem mais aos homens do que as mulheres.

- Igualdade salarial e um lugar na mesa são os princípios centrais do feminismo. Olhe suas cotas. Pergunte o quanto as mulheres irão receber e diga Se elas não receberem o mesmo que os homens, eu não irei fazer.