• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Wellington Muniz, o Ceará, relembra saída do Pânico: - Não tava mais fazendo com vontade

  • COMPARTILHE
Entretenimento

Wellington Muniz, o Ceará, relembra saída do Pânico: - Não tava mais fazendo com vontade

Um dos assuntos abordados pelo apresentador, Fábio Porchat, foi a saída do humorista do Programa Pânico, que ficou 15 anos no ar, dentre uma emissora e outra

Wellington Muniz, o Ceará, marcou presença no Programa do Porchat ao lado de sua esposa, Mirella Santos, na última segunda-feira, dia 11. Um dos assuntos abordados pelo apresentador, Fábio Porchat, foi a saída do humorista do Programa Pânico, que ficou 15 anos no ar, dentre uma emissora e outra. Conhecido por suas imitações, principalmente de Silvio Santos, Ceará explica o que o fez sair da atração, dois anos antes que ela chegasse ao fim:

- Eu acho que tudo tem um tempo mesmo. Eu não tava mais ali fazendo com vontade, não estava tendo o espaço que eu gostaria de ter e também estava chegando gente nova. Então tem uma hora que você tem que saber parar. Antes que parem com você. Mais legal pedir para sair, deixar as portas abertas, do que mandar embora.

E continua, citando que sua filha, Valentina, deu coragem a ele:

- Eu tive o privilégio, a sorte, de sair, e em poucos meses ser contratado pelo Multishow. (...) Essa coragem veio da Valentina, que quando ela nasceu, eu olhei pra ela e sabia exatamente o que eu tava fazendo. Pedi a opinião da Mirella que falou Eu estou do seu lado e aí deu tudo certo.

Mas disse ter gratidão por tudo:

- Eu até lembro a data. 17 de setembro de 2014. Eu falei assim pra Mirella, porque eu olhei pra Valentina: Já sei o que eu quero. Eu vou pedir pra sair do programa. Cheguei lá decidido. Só que eles não liberaram. Então eu cumpri o finalzinho do contrato. Aí liberaram em 2015. Mas foi tudo na paz, na boa. Tenho a maior gratidão por eles.