Mulher faz seleção de amantes para o marido: 'Quero que ele seja feliz'

Entretenimento e Cultura

Mulher faz seleção de amantes para o marido: 'Quero que ele seja feliz'

Para participar da seleção, é preciso ter alguns pré-requisitos, como não ser mãe e ter diploma universitário, além de ser comunicativa e ter uma boa aparência

Estadão Conteúdo

Redação Folha Vitória
Foto: Reprodução

Na Tailândia, uma mulher decidiu realizar um "processo seletivo" para encontrar três amantes para satisfazerem seu marido, segundo informações do The Mirror

"Tenho depressão crônica e sinto que não posso cuidar bem do meu marido. Eu não tenho dormido com ele e isso me faz sentir que não sou uma boa esposa", justificou ao tabloide britânico.

Para participar da seleção, é preciso ter alguns pré-requisitos, como não ser mãe e ter diploma universitário, além de ser comunicativa e ter uma boa aparência. As escolhidas serão tratadas como família e trabalharão na empresa do casal. 

Elas, ainda, receberão cerca de um salário mínimo do país, £ 342 (aproximadamente R$ 2,2 mil), e terão como missão principal agradar o homem.

LEIA TAMBÉM: >> Jô Soares morre aos 84 com pneumonia e deixa fortuna milionária

"É importante que elas possam agradar meu marido fisicamente. Ele é um homem e precisa disso, ele ainda tem um grande impulso e muita energia. Suas amantes também devem ser capazes de lhe fazer companhia e entretê-lo, então elas devem ter uma boa personalidade e ser divertidas", reforçou a mulher. 

"Eu só quero que ele seja feliz. Eu também terei amigos para ficar em casa", acrescentou.

A ideia foi uma surpresa para o marido, que declarou: "Minha mulher me disse que queria encontrar alguém para cuidar de mim. Eu nunca quis ter uma amante, mas já que minha esposa está oferecendo, não vou rejeitar".

Segundo ele, os homens que gostam da ideia precisam comunicar suas parceiras. "Eles devem pedir permissão a suas esposas para que não haja problemas no futuro", concluiu.

Pontos moeda