• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Apontada como pivô da briga com Anitta, Brunna Gonçalves revela ter sido ameaçada e defende Lud: 'Ela tem 100% de razão'

Entretenimento

Apontada como pivô da briga com Anitta, Brunna Gonçalves revela ter sido ameaçada e defende Lud: 'Ela tem 100% de razão'

"E eu tô sendo atacada três vezes mais e agora eu resolvi falar e eu não vou ficar mais quieta porque eu não tô mais aguentando isso", disse a namorada da cantora

Foto: Reprodução / Instagram

Eita, sobrou até para Brunna Gonçalves! Na briga entre Ludmilla e Anitta, por causa da canção Onda Diferente, a dançarina foi apontada como o pivô do desentendimento e se irritou em seu Stories do Instagram. Por meio de diversos vídeos, ela afirma ter recebido ameaças e saiu em sua defesa e em defesa da namorada:

- Então, gente, eu ia ficar quietinha, na minha, como eu prometi pra mim mesma, mas tá passando dos limites. Hoje saiu uma matéria mais a fundo sobre esse assunto que tá acontecendo, que todo mundo sabe. E eu tô sendo atacada três vezes mais e agora eu resolvi falar e eu não vou ficar mais quieta porque eu não tô mais aguentando isso, começa.

Depois, continua:

- Vamos lá. Eu tô vendo aqui que tem milhares de pessoas falando que eu sou o pivô de separação, de Anitta e Ludmilla não se falarem mais. Gente pelo amor de Deus, acordem pra vida. Quem sou eu pra fazer Anitta e Ludmilla parar de se falar?! Acordem pra vida! A única coisa que eu fiz foi defender a minha namorada porque eu sei que ela tem 100% de certeza, de razão. Eu sei, porque eu convivo. E infelizmente tem assuntos que eu não posso falar, que não me convém falar, porque não diz respeito a mim, mas eu sei que ela tem razão e eu vou defender ela, meu amor, com unhas e dentes. Sempre que eu puder e eu vir coisa errada, eu vou falar. Gente, pelo amor de deus, empatia. Não vem me atacar, não vem falar: Ah Brunna, você é aproveitadora. Não, eu não sou, eu só fui defender a minha namorada porque eu vejo que ela tá certa!

Em seguida, explica:

- Por que eu decidi me pronunciar? Porque mais uma vez eu acordei com um bando de gente me atacando, me esculachando. Aí eu vi um site de fofoca no qual a dona passou a noite anterior numa festinha cheia de famosos, com certeza deve ter rolado uma fofocaiada do caramba, quando eu acordo, uma matéria exclusivamente pra mim!, disse, explicando que recebeu ameaças e que há pessoas colocando lenha na fogueira.

O desabafo veio logo após circular, nas redes sociais, um vídeo em que Brunna, durante apresentação do Rock in Rio, aparece na área VIP do evento aclamando a namorada, no momento em que a funkeira começa a cantar Onda Diferente:

- Ela que fez, amor. Ela que fez essa música. Perfeita!

Além disso, segundo informações do Extra, há outros tópicos nessa briga. Recentemente, Anitta quis levar uma canção sua e de Ludmilla para Cardi B. Porém, a história vazou e outros artistas brasileiros pediram essa ajudinha de Anitta, para que ela também levasse outras canções para que a rapper norte-americana escolhesse. Lud não gostou de estar nessa leva e achou injusto Anitta não cumprir o combinado, mas não falou nada.

Uma fonte, que acompanhou tudo de perto, informou:

- O problema é que a mãe dela, Silvana, e a namorada, Brunna, ficaram no veneno e infernizando Ludmilla para que ela tomasse uma atitude mais drástica. Brunna chegou a mandar indiretas pelo Twitter, assim como Ludmilla que falou que não deveria confiar tanto nas pessoas.

Logo após o show do Black Eyed Peas no Rock in Rio, em que Anitta subiu no palco, ela fez uma festinha com amigos em casa e acabou fazendo um desabafo. Irritada, ela soube que Ludmilla tentou fazer parcerias com os artistas internacionais que ela mesma apresentou à cantora e disse em alto e bom som que a ex-amiga era ingrata e quis passar a perna nela.

O que não ajudou foi o fato de Cardi B, no fim, ter escolhido outra música para cantar com Anitta - que não era de Lud. Por isso, ambas discutiram feio no WhatsApp e, desde agosto, não se falam mais.