• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Chef de Família: Janaína Temporim espera inspirar as pessoas a cozinhar com amor

  • COMPARTILHE
Entretenimento

Chef de Família: Janaína Temporim espera inspirar as pessoas a cozinhar com amor

O aguardado confronto entre os participantes no próximo domingo (8), vai definir quem continua na disputa pelo prêmio de R$ 10 mil. Janaína vai dulear com o também cachoeirense Eder Oza

A cerimonialista e dona de um empreendimento de comida fitness, Janaína Temporim, 40 anos, de Cachoeiro, uma das participantes do reality show ‘Chef de Família’, que vai ao ar aos domingos, às 10h, na TV Vitória/Record TV, encara o desafio esperando ser uma inspiração para as pessoas cozinhar com mais amor. No próximo domingo (8), ela vai duelar com o também cachoeirense Eder Oza, para definir quem segue na disputa pelo prêmio de R$ 10 mil.

Janaína segue uma rotina entre sua casa e o seu negócio. Ela conta que o gosto pela culinária surgiu quando ainda era criança. “Começou quando brincava de ‘cozinhadinho’ ao redor do fogão a lenha com família reunida. Inicialmente seguia as receitas da minha mãe e do meu pai, e me encantava com elogios que recebia. A partir daí, me inspirei e comecei a adaptar algumas receitas e criar outras. Com o tempo fui buscando conhecimento com estudos e me profissionalizando. Atualmente, uso a arte de cozinhar profissionalmente, e complemento minha renda com esse trabalho que amo tanto”, conta.

A cerimonialista gosta de café. “Adoro, gosto de fazer, cheirar e tomar. O café é um caso antigo em minha vida. A comida que gosto de fazer em meu dia a dia é a carne de panela. É meu prato predileto. Em minha cozinha não pode faltar temperos e muitas ervas, e claro, uma boa faca”, garante a participante.

Quando está na cozinha, Janaína se irrita quando alguém belisca o que está cozinha e para acabar com isso, ela criou o ‘belisco solidário’. “Enquanto não termino de cozinhar, preparo uma porção em pequenos potinhos e levo onde o marido e os filhos estão. Assim, eles nem chegam perto da cozinha”, brinca.

Se continuar no programa, Janaína quer ser uma inspiração. “Não sei exatamente quais desafios ainda me esperam no programa. Não tenho como prever o que terei oportunidade de mostrar. Pode ser algo bem sofisticado, pode ser algo mais simples, quem sabe? De qualquer forma, o que quero mesmo é inspirar as pessoas a cozinhar com amor, com esmero. Do feijão com arroz das marmitas do dia a dia ao gigot d' agneau, o importante para mim é que, ao se sentar pra comer, a pessoa sinta que aquele prato foi feito por alguém que se importa com a opinião dela e sobretudo ama o que faz”, completa.