• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Festival ‘Cerveja na Praça’ será a atração do fim de semana em Castelo

  • COMPARTILHE
Entretenimento

Festival ‘Cerveja na Praça’ será a atração do fim de semana em Castelo

O evento, que reunirá 10 cervejarias e shows musicais, será realizado na Praça Três Irmãos, no centro da cidade, com entrada gratuita. A expectativa da organização é que 15 mil pessoas passem pelo local durante o Festival

No próximo fim de semana, Castelo vai receber o Festival ‘Cerveja na Praça’. O evento será realizado entre os dias 10, 11 e 12 de novembro, na Praça Três Irmãos, no centro da cidade, com entrada liberada. Dez cervejarias artesanais do Espírito Santo, Rio de Janeiro e Minas Gerais já confirmaram presença. Além da cerveja, o Festival terá shows musicais.

Entre as atrações musicais, estão as bandas: Hey!, Polifonia, Pepeloud, Zero28 Band, Charger, Dona Zazá e Walking Blues. De acordo com um dos organizadores, Rodrigo Moulin, a vontade de levar o festival para outras praças é antiga. A expectativa é de que pelo menos 15 mil pessoas passem pela praça durante o festival.

“Nossa proposta tem tudo a ver com essa onda itinerante. A experiência em Muqui foi muito boa e aliada à nossa vivência em festivais pelo Brasil, nos sentimos confiantes para dar este passo. Vamos seguir o mesmo o alto padrão com cervejas, músicas e gastronomia, assim o nosso público pode confiar que levaremos a qualidade para Castelo também”, conta.

Martina Martins, que também organiza o ‘Cerveja na Praça’, conta que Castelo foi escolhido devido às suas belezas e a receptividade do público. “Muita gente nos pediu para levarmos o festival pra lá e a cidade nos acolheu muito bem. Temos certeza que iremos repetir o sucesso dos eventos anteriores”, ressalta.

Eles garantem que outras cidades do Espírito Santo poderão receber o Festival. “Vamos avaliando e vendo as possibilidades. O evento tem um público cativo e sempre leva muito gente aonde vai. Começamos em Muqui com nove mil pessoas, passamos para 12 mil e o último tivemos um público de mais de 15 mil pessoas”, completa Rodrigo.