• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Klebber Toledo é acusado de ter atropelado mulher, mas ator nega acusação

  • COMPARTILHE
Entretenimento

Klebber Toledo é acusado de ter atropelado mulher, mas ator nega acusação

Toledo esclareceu que diferentemente do que chegou à imprensa o ator não é o responsável pelo atropelamento. Klebber afirma que a história não condiz com a realidade dos fatos

De acordo com o colunista Leo Dias, do jornal O Dia, Klebber Toledo sofreu um acidente no dia 8 de setembro na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, e teria atropelado a empregada doméstica Rosineia Fernandes de Oliveira, de 40 anos de idade. O ator, entretanto, nega ter sido o responsável pelo atropelamento.

Segundo a matéria, publicada na última terça-feira, dia 7, Rosineia atravessou a rua fora da faixa de pedestres. Um taxista conseguiu frear o automóvel, mas o ator, que vinha logo atrás, não conseguiu parar o carro e bateu na traseira do táxi que, com o impacto, acabou atropelando a mulher. Rosineia teve fratura exposta no tornozelo, amputação de uma falange do dedo mindinho esquerdo e perdeu cinco dentes, ficando internada por um mês e meio.

Ao jornal, a empregada declarou:

- A ambulância demorou 40 minutos para chegar. Klebber permaneceu comigo esse tempo todo, fez carinho na minha cabeça e disse que tudo ia ficar bem. Disse que ele ia pagar minha fisioterapia caso eu precisasse, os meus dentes e me ajudar. Mas ele sumiu. O taxista foi ao hospital me ver, mas o ator não apareceu.

Procurada pela coluna de Leo Dias, a assessoria de Klebber negou que o ator, noivo de Camila Queiroz, tivesse sido o responsável pelo acidente e ainda disse que o ator arcaria com todas as despesas do tratamento de Rosineia, pois o taxista não teria se pronunciado até então:

Klebber Toledo esclarece que diferentemente do que chegou à imprensa o ator não é o responsável pelo atropelamento de Rose. Klebber afirma que a história não condiz com a realidade dos fatos. Rose atravessava fora da faixa de pedestres no momento do acidente e foi atingida por um táxi. O carro do ator seguia em faixa paralela a do taxista e foi cortado por ele, colidindo em sua traseira em baixa velocidade. Klebber prestou socorro à vítima atingida pelo táxi e tentou tranquiliza-la até a chegada da emergência. O ator disponibilizou seus números de contato a todos os envolvidos e procurou o hospital para saber informações sobre o estado de saúde de Rose, já que o celular dela não funcionava. Nestes dois meses após o ocorrido, Klebber não teve mais notícias dela. O ator afirma também que por livre vontade custeará o tratamento de Rose, já que o taxista não assumiu suas responsabilidades para com a vítima.