• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Aline Rocha será a porta-bandeira do Brasil nos Jogos Paralímpicos de Inverno

  • COMPARTILHE
Esportes

Aline Rocha será a porta-bandeira do Brasil nos Jogos Paralímpicos de Inverno

O Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) informou nesta quinta-feira que a paranaense Aline Rocha, do esqui cross-country, será a porta-bandeira do Brasil na cerimônia de abertura dos Jogos Paralímpicos de Inverno de Pyeongchang.

O evento que marca o início da competição acontecerá nesta sexta-feira, às 8 horas (de Brasília).O Brasil, 15º país a desfilar, terá ainda outros dois representantes na competição, o esquiador Cristian Ribera e o snowboarder André Cintra.

Aline, de 27 anos, é a primeira brasileira a disputar uma edição dos Jogos Paralímpicos de Inverno e a única competidora sul-americana na Coreia do Sul. Ela também fará parte do seleto grupo de atletas que tem no currículo Jogos de Verão e de Inverno - Aline esteve no Rio-2016, onde disputou três provas no atletismo.

"Ter sido escolhida porta-bandeira é uma grande honra. Fiquei emocionada e muito feliz. Nós, mulheres, temos mostrado nossa força e espero que a minha participação aqui contribua para que outras possam seguir o mesmo caminho", disse.

A atleta também fez menção ao Dia Internacional da Mulher, comemorado nesta quinta-feira. "Nós podemos e devemos correr atrás dos nossos sonhos. As mulheres podem ser o que elas quiserem", afirmou.

Aline sofreu um acidente de carro aos 15 anos que lhe causou uma lesão medular e a perda dos movimentos das pernas. Ela iniciou sua trajetória no esporte no atletismo e depois passou a competir na neve, já que os movimentos do esqui cross country eram parecidos com o da corrida em cadeira de rodas.

O diretor-técnico do CPB, Alberto Martins da Costa, disse que a escolha levou em consideração o fato de ela ser a única representante sul-americana. "A escolha da Aline Rocha como porta-bandeira da nossa delegação na cerimônia é extremamente simbólica, por causa do Dia Internacional da Mulher e para celebrar a primeira mulher brasileira a conquistar uma vaga nos Jogos de Inverno", reforçou.

Aline disputará quatro provas no esqui cross-country, na classe LW11 (para cadeirantes), em diferentes distâncias: 12km, 1,1km, 7,5km e o revezamento misto 4x2,5km, ao lado de Cristian Ribera. Os Jogos Paralímpicos de Inverno deste ano contarão com 567 atletas de 48 países. As competição vão do dia 9 ao 18.

Será apenas a segunda vez que o Brasil contará com competidores na história da competição. O País estreou nos Jogos de Inverno em Sochi, em 2014, na Rússia, quando contou com André Cintra e com o esquiador Fernando Aranha.