• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Cruzeiro e Patrocinense empatam e voltarão a se enfrentar nas quartas do Mineiro

  • COMPARTILHE
Esportes

Cruzeiro e Patrocinense empatam e voltarão a se enfrentar nas quartas do Mineiro

Com a igualdade no placar, os dois times voltarão a se encontrar nas quartas de final, que começarão no próximo fim de semana. O clube de Belo Horizonte fecha a primeira fase com 29 pontos, na liderança da competição

O Patrocinense recebeu o Cruzeiro no estádio Pedro Alves do Nascimento, em Patrocínio, pela 11.ª e última rodada da primeira fase do Campeonato Mineiro, neste domingo e arrancou o empate por 1 a 1 para ampliar a sua invencibilidade como mandante diante de um adversário que ainda não foi batido no torneio.

Com a igualdade no placar, os dois times voltarão a se encontrar nas quartas de final, que começarão no próximo fim de semana. O clube de Belo Horizonte fecha a primeira fase com 29 pontos, na liderança disparada, enquanto o Patrocinense ficou em oitavo, com 13 pontos.

Invicto e sobrando na tabela de classificação, o Cruzeiro mandou a campo um time formado por reservas, enquanto os titulares ficaram na Toca da Raposa II treinando sob supervisão de Mano Menezes. No banco de reservas, ficou o auxiliar Sidnei Lobo. Já o Patrocinense entrou em campo defendendo uma invencibilidade de 17 jogos atuando em casa, que foi mantida.

Com a bola rolando, o Cruzeiro não conseguiu levar perigo ao gol do Patrocinense no primeiro tempo, mas o time da casa também não construiu grandes oportunidades na etapa inicial. Aos 6 minutos, Bruno Moreno arriscou de muito longe e a bola passou perto do gol cruzeirense, mas as chances a partir daí não surgiram.

O jogo continuou com marcação cerrada dos dois lados na etapa final, mas ela foi bem mais agitada. Aos sete, o Patrocinense fez jogada ensaiada em cobrança de falta, chegando com muito perigo na pequena área cruzeirense, mas a defesa conseguiu fazer o corte. Os mandantes chegaram de novo aos 11 minutos. Após rápida saída do campo de defesa, Ângelo bateu de três dedos para defesa do goleiro Rafael. O lateral ainda furou no rebote.

O gol finalmente saiu aos 26 minutos e foi do Cruzeiro. Mancuello deu um belo passe para Rafael Marques, que foi calmo para driblar o goleiro e tocar para o fundo das redes do Patrocinense.

O time de Patrocínio teve chance de empatar aos 35 minutos, quando Genesis recebeu cruzamento na área e cabeceou perto da trave direita, mas para fora. Os mandantes seguiram tentando e conseguiram a igualdade aos 39 minutos, com Genesis, que recebeu passe na área, ajeitou e bateu de canhota para o fundo das redes.

Rafael Marques ainda assustou o Patrocinense no último lance de perigo do jogo, mas a bola foi para fora, ficando no empate.