• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Ibrahimovic comemora acerto com Los Angeles Galaxy: 'É o melhor time dos EUA'

  • COMPARTILHE
Esportes

Ibrahimovic comemora acerto com Los Angeles Galaxy: 'É o melhor time dos EUA'

Oficializado nesta sexta-feira pelo Los Angeles Galaxy, o atacante Zlatan Ibrahimovic comemorou o acerto com o clube norte-americano, que ele classificou de "o lugar certo para mim". O sueco foi anunciado formalmente pelo Galaxy depois da contratação ser divulgada num anúncio de página inteira publicado no jornal Los Angeles Times.

"É o melhor time dos EUA, não tive qualquer dúvida [na decisão]. Tenho muita expectativa. Acho que tenho muito a trazer e dar ao clube. Com a experiência que tenho, espero compartilhar a alegria de vencer", declarou o atacante de 36 anos. Seu tempo de contrato e salário não foram divulgados, mas a imprensa europeia estima um vínculo de dois anos.

"Estou empolgado por me juntar a um clube que tem um histórico vencedor e que deu vida ao futebol de Los Angeles nos últimos 20 anos", declarou Ibrahimovic. "Gostaria de agradecer a todos do clube por tornar isso possível. Estou ansioso para me juntar aos demais jogadores, e jogar diante da torcida e dos fãs."

Com raras atuações nos últimos meses, pelo Manchester United, o sueco admitiu estar sem ritmo de jogo. Porém, prometeu esforço para recuperar sua melhor forma. "Eu estou me sentindo bem, preciso jogar, ir para o campo. Não venho jogando muitos jogos ultimamente. E estou ansioso para jogar."

Em Los Angeles, Ibrahimovic é considerado a maior aposta do Galaxy desde a contratação de David Beckham, em 2007. "Reforçar nosso time com um dos melhores artilheiros da história vai nos ajudar tremendamente na nossa busca pelo sexto título da MLS Cup", afirmou o técnico Sigi Schmid. "Como um dos jogadores mais vitoriosos de todos os tempos, acreditamos que ele terá um impacto muito positivo sobre o nosso time."

O acerto entre as duas partes já era esperado desde segunda-feira, quando surgiram rumores sobre a saída do sueco do Manchester United. Na quinta, o jogador e o clube inglês anunciaram a rescisão amigável de contrato.

Ele deixou o Manchester United após duas temporadas, nas quais jogou 53 partidas e marcou 29 gols. Um dos fatores que mais contribuiu para sua saída foi a lesão em abril de 2017, quando rompeu o ligamento cruzado anterior e posterior do joelho direito e precisou passar por cirurgia. Ficou sete meses fora de atividade e na volta pouco atuou.