• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Já na semi do Carioca, Fluminense e Flamengo duelam para ir à final da Taça Rio

  • COMPARTILHE
Esportes

Já na semi do Carioca, Fluminense e Flamengo duelam para ir à final da Taça Rio

Classificados para as semifinais do Campeonato Carioca, Fluminense e Flamengo fazem nesta quinta-feira um clássico sem grandes implicações para o Estadual, mas que promete ser movimentado pela rivalidade histórica e pelas escalações dos dois times, que deverão ter praticamente força máxima. A partida vale vaga na final da Taça Rio, o segundo turno do Carioca, e por ter melhor campanha o Fluminense precisa somente de um empate.

Apesar disso, o técnico Abel Braga descartou qualquer possibilidade de o time jogar pensando no regulamento. "Falei aos meus jogadores: não existe vantagem. Jogo começa 0 a 0. Vamos jogar como sempre jogamos, com respeito", afirmou. "Do outro lado tem um time muito forte, é uma equipe com todos os jogadores de alto nível, treinador de alto nível, muito adaptado ao clube."

Abel não quis confirmar o time que colocará em campo, e chegou a dizer que não falou a escalação nem mesmo aos jogadores. A tendência, contudo, é que ele opte pelo que tem de melhor à disposição.

No Flamengo, a dúvida está na zaga. Réver se recuperou de lesão e deverá ir para o jogo na vaga que vinha sendo ocupada por Rhodolfo. Mas o zagueiro tem a chance de continuar na equipe, dessa vez no lugar de Juan. O veterano zagueiro vem de uma sequência de partidas e poderá ser poupado.

Fluminense e Flamengo já se enfrentaram pelo Estadual, em jogo disputado na Arena Pantanal válido pela segunda rodada da Taça Rio. Na ocasião, o time rubro-negro atuou com uma equipe reserva e foi goleado por 4 a 0. Apesar disso, os jogadores do Flamengo negam clima de revanche.

"Eles (Fluminense) têm a vantagem do empate. Nós não levamos pelo lado da revanche, pois cada jogo tem uma história. Nosso time tem", disse Rodinei. "A vantagem é deles, mas vamos para cima em busca da vitória. Perdemos a outra por mérito deles. Não vamos entrar em campo falando de revanche."