• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Serena minimiza pressão após volta com vitória e diz que não terá 'nada a perder'

  • COMPARTILHE
Esportes

Serena minimiza pressão após volta com vitória e diz que não terá 'nada a perder'

Serena Williams estreou com vitória no Torneio de Indian Wells, em partida que marcou seu retorno às quadras nos duelos de simples. Satisfeita com o desempenho ao bater Zarina Diyas, do Casaquistão, por 7/5 e 6/3, a ex-número 1 do mundo evitou fazer prognósticos na próxima fase da competição.

"Não tenho nada a perder, só tenho a ganhar. Poderia jogar como hoje por anos. Para mim é um grande divertimento estar em quadra", disse a tenista. "Para esse torneio, vou pegar leve sem muito stress ou expectativas. Essa é uma das poucas vezes que posso fazer isso. E está sendo muito divertido", completou.

Na segunda rodada, Serena terá pela frente a holandesa Kiki Bertens, cabeça de chave número 29 do torneio. Se passar, poderá enfrentar sua irmã Venus na terceira rodada. Isso se Venus também derrotar a romena Sorana Cirstea.

Muito provavelmente Indian Wells será mesmo uma das poucas competições que ela entrará sem pretensões de vencer. Isso porque Serena, de 36 anos, está a uma conquista de igualar o recorde de títulos de Grand Slam, que pertence a australiana Margaret Court, com 24 troféus.

"Vou voltar ao meu melhor nível ainda. Mas será uma jornada para mim. Não vou chegar instantaneamente. Vou passo a passo até chegar lá", comentou Serena, que agora conta também com a obrigação de cuidar da filha Alexis, de seis meses.

"Quase chorei antes do jogo (risos). Me despedi da Alexis e pensei: 'será que é normal querer chorar, porque sinto realmente a falta dela. Jogar à noite ajuda, porque sei que ela vai para cama cedo. Então sei que nessa hora não estaria brincando com ela, então não há nada que eu poderia fazer.

Serena, atual número 22 da WTA, se afastou do circuito após vencer o Aberto da Austrália do ano passado, ao descobrir que estava grávida. No início do ano ela voltou a treinar e até então só havia participado de um jogo de duplas, no duelo dos Estados Unidos contra a Holanda, pela Fed Cup, em fevereiro. Na ocasião, atuou ao lado da irmã Venus, e perdeu para Demi Schuurs e Lesley Kerkhove por 2 sets a 0.