• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Sport festeja após decisão final do STF declará-lo único campeão nacional de 1987

  • COMPARTILHE
Esportes

Sport festeja após decisão final do STF declará-lo único campeão nacional de 1987

A longa discussão envolvendo quem foi o campeão brasileiro de 1987 ganhou um novo capítulo na última sexta-feira e o mesmo foi comemorado pelo Sport neste sábado. O clube de Recife divulgou uma nota oficial para destacar que a polêmica teve um "desfecho formal" após o Supremo Tribunal Federal (STF), que já havia negado dois recursos apresentados pelo Flamengo no ano passado, considerar de forma definitiva que o time pernambucano é o legítimo ganhador do título nacional daquele ano.

Essa certeza por parte do STF se dá pelo fato de que a decisão final sobre o caso transitou em julgado na última sexta-feira após expirarem os prazos legais para que o Flamengo tentasse reverter a derrota na Justiça.

"Em dezembro de 2017, a Primeira Turma do STF decidiu por unanimidade rejeitar o recurso apresentado pelo Flamengo para discutir o mérito sobre o título conquistado pelo Sport dentro de campo. A matéria foi dada como esgotada e não cabe mais discussão quanto ao título de 1987. O processo já teve a sua baixa definitiva efetuada", escreveu o Sport na nota deste sábado em seu site oficial.

O clube recifense ainda destacou que na última terça-feira recebeu uma homenagem pelos 30 anos da conquista do título do Brasileiro de 1987, na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), cuja importância da solenidade foi destacada pelo atual presidente do clube, Arnaldo Barros.

"Recebemos com muita honra e orgulho porque a luta foi intensa ao longo desses 30 anos e vencemos em campo e nos tribunais contra aqueles que tentaram subverter a ordem. Esse reconhecimento como o da Alepe mostra que o título do Sport enaltece e engrandece não só o clube como o Estado de Pernambuco. Representa a luta e insurreição do nordestino, que luta sempre pelos seus direitos com a garra de um leão", disse o dirigente, fazendo alusão ao animal escolhido como mascote do Sport.

ENTENDA O CASO - Essa polêmica envolvendo o dono do título do Brasileiro de 1987 já dura 30 anos, pois em 1988 o Sport entrou com uma ação contra a CBF e a União cobrando na Justiça o reconhecimento da validade do regulamento da chamada Copa União de 1987. Na época, o juízo da 10ª Vara Federal de Pernambuco aceitou o pedido e o trânsito em julgado ocorreu em 1999.

Naquele ano, o campeonato foi organizado pelo recém-criado Clube dos 13 e foi chamado de Copa União. O Flamengo foi o campeão do Módulo Verde, que reunia os times da elite do futebol nacional, enquanto o Sport faturou o Módulo Amarelo, espécie de segunda divisão. A CBF exigia um confronto entre os dois para definir o campeão brasileiro, mas houve a recusa flamenguista.

Diante disso, a CBF reconheceu por muitos anos apenas o Sport como campeão brasileiro de 1987. Mas mudou de opinião em fevereiro de 2011, quando apontou o Flamengo também como campeão daquela temporada, "dividindo" o título com o clube pernambucano.

Mas a diretoria do Sport não aceitou a 'divisão' do título e entrou na Justiça. Com a decisão da 10.ª Vara da Justiça Federal de Primeira Instância da Seção Judiciária de Pernambuco, a CBF foi, então, obrigada a anunciar que o clube pernambucano é o "único" campeão brasileiro de 1987.

FLAMENGO COGITA ACIONAR A FIFA - Ao comentar a posição do Sport neste sábado, o Flamengo emitiu a sua velha opinião sobre o assunto e cogitou até acionar a máxima entidade do futebol mundial para ser oficialmente reconhecido como o campeão brasileiro de 1987. "O Flamengo é o campeão, ganhou no campo e estuda novas medidas judiciais e desportivas, na Fifa", informou o clube carioca.