• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Confiante em virada, Heynckes lembra Juventus e diz que Real é vulnerável em casa

  • COMPARTILHE
Esportes

Confiante em virada, Heynckes lembra Juventus e diz que Real é vulnerável em casa

O técnico do Bayern de Munique Jupp Heynckes lembrou da última partida do Real Madrid no Santiago Bernabéu pela Liga dos Campeões para demonstrar que não será impossível vencer o time espanhol em seu estádio.

Nas quartas de final, a Juventus chegou a fazer 3 a 0 na equipe de Cristiano Ronaldo, mas levou um gol no fim e se despediu da competição. "Esse jogo mostrou que o Real é vulnerável em casa. O Zidane disse que amanhã (terça-feira) é o jogo deles da temporada então temos que nos precaver", afirmou.

O Bayern de Munique perdeu o jogo de ida para o Real Madrid por 2 a 1 na Alemanha e agora precisa da vitória na casa do adversário para garantir a classificação. A partida está marcada para terça-feira, às 15h45, no Santiago Bernabéu.

Para a partida, o treinador tratou de dar moral para o centroavante Lewandowski. O jogador não marca na Liga dos Campeões desde a vitória sobre Besiktas por 5 a 0, em 20 de fevereiro, pela fase de grupos. Na ocasião fez dois.

Por conta da seca, o jogador passou a ser criticado pelos torcedores. A imprensa alemã também chegou a informar que Heynckes estaria insatisfeito com a falta de dedicação do centroavante nos treinamentos e que cogitava escalar Sandro Wagner contra o Real Madrid.

Na coletiva desta segunda, o técnico fez questão de acabar com qualquer boato. "Ele tem todo o meu apoio. Todo atacante, e eu me incluo nisso, tem fase que fica sem marcar. Mas ele marcou muitos gols nesta temporada e não dá para deixar de lembrar que ele marcou já marcou quatro gols contra o Real Madrid em uma semifinal de Liga dos Campeões quando defendia o Borussia Dortmund. Então, quem sabe o que vai acontecer amanhã", afirmou.

A outra semifinal da Liga dos Campeões acontecerá na quarta-feira, às 15h45, no duelo entre Roma e Liverpool, na Itália. O time inglês venceu o primeiro jogo por 5 a 2 e tem a vantagem de poder perder por até dois gols de diferença.