• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Klopp elogia Salah e minimiza gols sofridos em vitória do Liverpool

  • COMPARTILHE
Esportes

Klopp elogia Salah e minimiza gols sofridos em vitória do Liverpool

Os dois gols da Roma nos minutos finais do jogo de ida da semifinal da Liga dos Campeões não preocuparam o técnico do Liverpool, Jürgen Klopp. Para o treinador, independente da menor vantagem, conquistada na vitória do time inglês por 5 a 2 nesta terça-feira, o Liverpool terá muito trabalho na partida da volta, na próxima quarta, na Itália.

"Teremos que trabalhar em Roma, novamente. Isso não é um problema. Haveria o mesmo trabalho lá se tivéssemos goleado por 5 a 0", declarou o técnico após o jogo disputado no Anfield Road. O Liverpool chegou a abrir 5 a 0 no jogo desta terça, mas levou dois nos dez minutos finais da partida.

Os gols do time italiano saíram após a substituição de Mohamed Salah, grande astro da partida, autor de dois gols e duas assistências. Ao fim da partida, Klopp admitiu a culpa pela troca, mas disse não se arrepender da alteração na equipe.

"Se alguém quiser dizer que foi meu erro por conceder dois gols, porque eu tirei o atacante de campo, eu não tenho nenhum problema com isso. Salah estava correndo demais, o tempo todo, e não ajudaria nada o nosso time se ele se machucasse", ponderou o treinador, que não poupou elogios ao atacante.

"Ele foi incrível, está fazendo uma temporada que não é normal", disse Klopp, se referindo à marca de 43 gols em 47 jogos do egípcio na temporada até agora. Curiosamente, Salah chegou ao clube inglês vindo da rival Roma, no valor de 42 milhões de euros (cerca de R$ 176 milhões).

PREOCUPAÇÃO - Klopp admitiu preocupação com Alex Oxlade-Chamberlain, que saiu de campo na maca ainda aos 18 minutos de jogo. O meia sofreu lesão na perna direita em uma dividida com Aleksandar Kolarov. O clube ainda não revelou a gravidade da contusão, mas o treinador já adiantou que deve ser grave.

"Foi provavelmente uma lesão muito feia. Todo o departamento médico está preocupado, ainda sem fazer os exames. A temporada não será muito longa para ele. Sou muito positivo, mas não estou feliz agora porque perdi um jogador fantástico nesta noite", disse o técnico do Liverpool.

Para Klopp, a perda precoce do jogador foi mais preocupante dos que os gols sofridos no fim. "A maior decepção foi a lesão de Chamberlain. O elenco não ficará maior neste momento da temporada. Então teremos que ser criativos para os próximos jogos", disse o técnico, que já perdeu Emre Can e Adam Lallana por lesão nas últimas semanas.

Com a contusão sofrida nesta terça, Chamberlain passa até a virar dúvida para a seleção inglesa na Copa do Mundo da Rússia. Faltam menos de dois meses para o início do Mundial.