• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Adenízia destaca mudança de postura da seleção feminina de vôlei após 1ª vitória

  • COMPARTILHE
Esportes

Adenízia destaca mudança de postura da seleção feminina de vôlei após 1ª vitória

A central Adenízia foi um dos principais destaques da seleção brasileira feminina de vôlei na vitória sobre o Japão por 3 sets a 1 nesta quarta-feira, em duelo válido pela segunda rodada da Liga das Nações.

Depois de ter começado no banco de reservas na estreia contra a Alemanha, ela substituiu Carol e deu novo ânimo para a equipe, que virou sobre a seleção japonesa em 22/25, 25/18, 25/23 e 25/11, no jogo disputado em Barueri, em São Paulo.

"Ontem (terça-feira), infelizmente a vitória não veio, faltou um pouco de espírito e foi apenas o primeiro jogo. O time ainda não está entrosado. Mas hoje foi diferente. Entramos agressivos e mostrando o que é o Brasil, com alegria, e não podemos deixar isso morrer jamais. Hoje, foi tudo diferente. Nós conversamos, estudamos e entramos com outra postura, demonstrando o que é o voleibol do Brasil", disse Adenízia.

A central marcou nove pontos de bloqueio e finalizou a partida com 15 pontos no total. A principal pontuadora da equipe brasileira foi Tandara, com 25 pontos. A ponteira Amanda, com 10, também fez um grande jogo nesta quarta-feira.

A partida também marcou a estreia de Jaqueline na função de líbero. Ela entrou com o jogo praticamente definido, no quarto set. "O Zé (Roberto Guimarães) me colocou ali no final para sentir o clima do jogo, a adrenalina e foi muito gostoso. Sentir esse carinho, esse calor da torcida é sempre muito bom. É um reconhecimento do nosso trabalho. E, como eu tinha pouco tempo, entrei na frente da Drussyla para fazer o passe, que saiu bom e é isso que importa", disse Jaqueline.

O Brasil volta à quadra nesta quinta-feira para seu último compromisso em casa pela Liga das Nações. O confronto será contra a Sérvia, às 15h (de Brasília), novamente em Barueri. Depois disso, a seleção feminina disputará outras três competições em 2018: Copa Pan-Americana entre os dias 6 e 15 de julho, Montreux Volley Masters, entre os dias 4 e 9 de setembro, além do Campeonato Mundial de 29 de setembro a 20 de outubro.