• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Chefe da Mercedes evita apontar data para acertar novo contrato de Hamilton

  • COMPARTILHE
Esportes

Chefe da Mercedes evita apontar data para acertar novo contrato de Hamilton

Um dos astros da Fórmula 1, o tetracampeão Lewis Hamilton ainda não sabe se continuará pilotando pela Mercedes na próxima temporada. Com contrato somente até o fim do ano, o inglês e a direção da equipe seguem em negociação. De acordo com o chefe do time, Toto Wolff, ainda faltam detalhes para acertar o novo vínculo.

"Este é um trabalho em desenvolvimento e não vemos motivo para pressa ou pressão sobre as partes para assinar o documento, o que deve acontecer eventualmente", afirmou Wolff, nesta quinta-feira, após os dois treinos livres do GP de Mônaco, no circuito de rua de Montecarlo.

O dirigente não revelou detalhes sobre as negociações e também evitou apontar uma data para o acerto da renovação. "Estamos perto de finalizar o acordo. Há um pouco de troca de e-mails ainda para definir os detalhes. Não quero especificar uma data porque aí a imprensa vai ficar perguntando: 'por que ainda não assinaram'", disse Wolff.

De acordo com as conversas no paddock de Montecarlo, a demora no acerto da renovação se deve ao alto salário cobrado pelo atual campeão mundial. "Ele tem um estilo de vida muito caro. É tetracampeão e não deve ser um cara barato. Eu só posso pensar que o atraso tem relação com dinheiro", disse o chefe da Red Bull, Christian Horner, acostumado a negociações com pilotos.

Questionado sobre as conversas com a Mercedes, Hamilton se mantém evasivo. "Se o acordo ainda não está pronto nesta semana, então não está pronto", desconversou o piloto britânico, que registrou o terceiro e quarto melhor tempo nas duas sessões livres do GP, nesta quinta-feira.