• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Loss corre contra o tempo para 'entender o que é dirigir o Corinthians'

  • COMPARTILHE
Esportes

Loss corre contra o tempo para 'entender o que é dirigir o Corinthians'

Fábio Carille anunciou sua saída do clube na terça-feira à noite. Loss teve apenas a atividade de quarta para treinar a equipe para o jogo contra o Millonarios


Osmar Loss viveu os últimos dias como os mais importantes em sua carreira profissional. Na segunda-feira, ele era somente mais um auxiliar técnico do Corinthians. Na terça-feira à noite, tinha o status de novo técnico da equipe e na quinta já tinha pela frente uma partida pela Copa Libertadores. Foi tudo muito rápido e sem deixar espaço para dúvidas. Assim, o treinador está aprendendo na marra o que é comandar o atual campeão brasileiro.

"Difícil para nós também essas mudanças. Até dar coletiva a gente já sente uma diferença. A gente sabe, sente a falta do Fábio e acho que eles (jogadores) sentem também, mas não senti isso refletir nos treinos e algo em relação a isso acarretar no jogo", disse o substituto de Fábio Carille.

O novo treinador corintiano nem teve muito tempo para amadurecer a ideia do que está acontecendo. "A semana foi curta. De terça para quinta foram dois dias muito intensos, que faz com a que a gente reflita bastante, pense e projete. A partir do jogo de hoje (quinta-feira) vou começar a ter a real noção do que é comandar o Corinthians e do que é ter esse cargo. É muito diferente, não tenho dúvida. Antes tudo era discutido, mas as decisões eram do Fábio (Carille). Agora tenho que tomar a decisão e essa é a grande diferença", comentou.

Fábio Carille anunciou sua saída do clube na terça-feira à noite. Loss teve apenas a atividade de quarta para treinar a equipe para o jogo contra o Millonarios. Por isso, não deu tempo de realizar nada de diferente do que já estava sendo feito e, segundo ele, muito do trabalho de seu antecessor, já tinha seu estilo também.

"O que vinha sendo feito já tinha muito de Loss. A gente sempre discutia as coisas e o Fábio abria espaço para a gente falar. Tudo era passar por nós todos e é difícil falar se já tem algo meu no time. Mostramos a mesma competitividade, nos desorganizamos no final em busca do resultado, mas mostramos uma forma de jogar com a cara do Corinthians. O torcedor gosta disso", comentou.

O elenco do Corinthians volta aos treinamentos na sexta-feira e no domingo enfrenta o Internacional, no Beira-Rio, pelo Campeonato Brasileiro. Para essa partida, a tendência é que Loss faça diversas mudanças na equipe e poupe alguns titulares que estão mais desgastados.