• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Palmeiras encara série complicada antes da pausa para a Copa do Mundo

  • COMPARTILHE
Esportes

Palmeiras encara série complicada antes da pausa para a Copa do Mundo

Serão seis jogos até 13 de junho, quando o campeonato entrará no período de mais de 30 dias de recesso


Perto de entrar no sexto mês do ano, o Palmeiras parece bem encaminhado na temporada. Classificado às próximas etapas da Copa do Brasil e da Copa Libertadores, que só serão disputadas após a pausa da Copa do Mundo, o time concentra todas as suas atenções no Campeonato Brasileiro. E, até a interrupção do torneio, ao término da 12ª rodada, a equipe vai encarar uma sequência considerada complicada.

Serão seis jogos até 13 de junho, quando o campeonato entrará no período de mais de 30 dias de recesso. Destes, apenas um, ao menos em tese, deverá trazer menor dor de cabeça ao técnico Roger Machado e seus comandados: contra o Ceará, o penúltimo da série. Os cearenses ocupam atualmente a vice-lanterna da competição, com três pontos e nenhuma vitória conquistada. Ainda assim, até 10 de junho, data do confronto, muita coisa poderá ter mudado na tabela.

Mas a análise dos demais oponentes não permite nem sequer supor esta "facilidade" do jogo com o Ceará, já que todos brigam em posições mais próximas à dos paulistas. A começar pelo Sport, adversário deste sábado, às 19 horas, no Allianz Parque, pela sétima rodada. O rival do Recife soma oito pontos, três atrás dos anfitriões, na 12ª posição.

Em seguida, virá o duelo com o Cruzeiro, que tem sete pontos e se encontra um degrau abaixo do Sport. Além de ser em Belo Horizonte, o jogo reunirá dois dos favoritos da temporada. Assim como o Palmeiras, o time mineiro segue firme na Libertadores e na Copa do Brasil.

O próximo rival da lista é o São Paulo, hoje na cola dos palmeirenses, com dez pontos. Pesa a favor do time o fato de o clássico estar marcado para o Allianz, palco onde os adversários jamais triunfaram: perderam nas seis visitas feitas à arena desde a sua inauguração, em 2014.

O desafio a seguir envolve mais um clube tido como postulante aos principais títulos de 2018: o Grêmio, em Porto Alegre. Também vivíssimos na Copa do Brasil e na Libertadores, os gaúchos estão a apenas dois pontos do Palmeiras no Brasileirão, na oitava posição.

Por fim, virão Ceará e Flamengo, atual vice-líder do campeonato, com 11 pontos. Os cariocas vêm construindo trajetória semelhante à palmeirense no ano. Apesar de estarem no páreo em todos os torneios, alternam boas atuações com exibições abaixo da média que já provocaram até cobrança pesada da torcida. Mas são, sem sombra de dúvida, fortes candidatos a destronarem os palmeirenses.

Ou seja, se Roger quiser aproveitar a intertemporada forçada do ano em paz, é bom se preparar. São seis jogos em 19 dias que podem provocar todo tipo de sentimento pelos lados da Academia de Futebol. Para o bem e para o mal.