• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Praticamente classificado, Cruzeiro recebe Racing em busca do 1º lugar no grupo

  • COMPARTILHE
Esportes

Praticamente classificado, Cruzeiro recebe Racing em busca do 1º lugar no grupo

São oito pontos para o Cruzeiro, vice-líder da chave, três a mais que a Universidad de Chile

O Cruzeiro encerra a sua participação na fase de grupos da Copa Libertadores nesta terça-feira, quando recebe o Racing às 21h30, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte. Com a vaga às oitavas de final praticamente garantida, o time celeste tem como meta a liderança do Grupo E do torneio. E para conquistá-la, precisa vencer o rival argentino.

São oito pontos para o Cruzeiro, vice-líder da chave, três a mais que a Universidad de Chile. Para perder a vaga, o time mineiro teria que ser batido pelo Racing e a equipe chilena precisaria vencer o Vasco, em Santiago, além de tirar uma diferença de 16 gols de saldo.

Diante deste cenário, o técnico Mano Menezes traçou como meta para esta terça-feira ultrapassar o Racing, que tem 11 pontos. Mas, além disso, o Cruzeiro também busca devolver a dura derrota por 4 a 2 sofrida diante deste mesmo rival na Argentina, na estreia da Libertadores. "Revanche não é, mas vamos lembrar da goleada lá, da forma como foi. Espero que a gente esteja em uma noite iluminada para devolver a goleada", declarou o meia Thiago Neves, na véspera do confronto.

O jogador, aliás, é a principal dúvida para a partida. Em recuperação de um problema muscular na panturrilha, ele ficou de fora das últimas partidas do Cruzeiro. Nesta segunda-feira, admitiu o medo de a lesão se agravar se ele entrar em campo, mas revelou que pediu a Mano Menezes para jogar contra o Racing.

O técnico, aliás, fez mistério e escondeu a escalação da equipe na última atividade antes da partida. Além de Thiago Neves, ele tem uma dúvida na lateral direita. Edílson não atua desde abril, graças a uma lesão no tornozelo, mas está novamente à disposição.

Se ambos não puderem atuar, Mano Menezes deve levar o Cruzeiro a campo com Lucas Romero na lateral e Robinho no meio de campo, repetindo a escalação que vem atuando no Campeonato Brasileiro. A exceção foi o clássico do último sábado contra o Atlético Mineiro - derrota por 1 a 0 -, quando o treinador poupou os titulares.

Do outro lado, o Cruzeiro vai encarar um adversário que vem em baixa. Nas últimas duas partidas, o Racing perdeu para o Colón, na despedida do Campeonato Argentino, e foi eliminado pelo desconhecido Sarmiento de Saco, da terceira divisão nacional, na Copa da Argentina.

Não bastasse a má fase, o técnico Eduardo Coudet ainda terá que lidar com desfalques nesta terça-feira. Os defensores Renzo Saravia e Leonardo Sigali e o meio-campista Nery Domínguez, lesionados, sequer viajaram com o elenco para Belo Horizonte. Por isso, a aposta mais uma vez é na joia Lautaro Martínez, que marcou três vezes no primeiro confronto entre as equipes.