• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Esportistas lamentam morte de Maria Esther: 'O que fez pelo tênis, ninguém fez'

  • COMPARTILHE
Esportes

Esportistas lamentam morte de Maria Esther: 'O que fez pelo tênis, ninguém fez'

O mundo do esporte exaltou o legado de Maria Esther Bueno, morta nesta sexta-feira em decorrência de um câncer na boca que tratava desde o ano passado. Nomes do tênis e de outras modalidades relembram a dedicação da ex-atleta à modalidade.

"Hoje é um dia triste para o tênis brasileiro, a Maria Esther Bueno foi a maior vencedora do tênis brasileiro, com os inúmeros títulos que conquistou. Ela sempre prestou tudo o que pôde ao tênis. Sempre acompanhando até os últimos dias. Sempre que cruzava com a gente, dava sorte, energias positivas. Tivemos uma grande perda e eu dou os meus sentimento à família. O mundo do tênis brasileiro está de luto em nome da Maria Esther Bueno", declarou Marcelo Melo, quarto colocado no ranking de duplas.

O ex-tenista Fernando Meligeni disse que Maria Esther "flutuava" em quadra. "Tinha por ela muita admiração. Muito respeito e gratidão. O que ela fez pelo tênis ninguém fez", apontou. "Muito mais que amigo, eu era fã de tudo que ela representa para os tenistas. Maria Esther Bueno foi e sempre será a maior tenista do Brasil. Em uma época onde o tênis era jogado entre passos de dança, ela era a melhor dançarina do mundo. Ela flutuava em quadra."

Para Fininho, porém, a ex-tenista morreu sem ser devidamente valorizada. "Hoje perdemos o maior ícone e nome do tênis do nosso País. Mais uma gênio esquecida, deixada de lado. Mais uma incrível atleta que não foi reconhecida como merecia. Mais uma atleta mais reconhecida fora do que dentro do nosso País."

Nalbert, do vôlei, disse que o Brasil se despede de uma das maiores atletas da história. "Tive a honra de conhecer e fazer a cobertura da Olimpíada de Londres (em 2012) ao lado dela. Uma das maiores atletas de todos os tempos e a doçura em pessoa. Fará muita falta."