• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Zagueiro Bressan pede concentração e foco no Grêmio para vencer o Palmeiras

  • COMPARTILHE
Esportes

Zagueiro Bressan pede concentração e foco no Grêmio para vencer o Palmeiras

O zagueiro Bressan, do Grêmio, enfatizou nesta terça-feira que uma das principais armas da equipe para vencer o Palmeiras é a concentração, na partida marcada para esta quarta, às 21h45, na Arena Grêmio, em Porto Alegre, pela 10.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Para o defensor, o jogo entre as duas equipes de melhor campanha na Copa Libertadores promete ser bastante disputado porque ambas buscam permanecer também nas primeiras posições do Brasileirão. O time tricolor gaúcho é o terceiro colocado, com 16 pontos, e o alviverde é o sétimo, com 14.

"É um grande confronto. Vale três pontos no Brasileiro. Eles vêm de vitória, nós também. E estamos brigando pelas primeira posições do campeonato da mesma forma. Será um grande jogo, bonito. As duas equipes gostam de jogar com a bola, buscando sempre o gol. A equipe que tiver mais concentrada, querendo mais e atenta aos detalhes, vai fazer a diferença para sair com a vitória", avaliou o jogador, que substitui Pedro Geromel, que serve a seleção brasileira para a disputa da Copa do Mundo.

Bressan tem dado conta do recado. O sistema defensivo não sofre gols há cinco partidas e é o time menos vazado da competição, com apenas três gols. "Fico feliz. Mas isso não significa que é só mérito da dupla de zagueiros que estiver no jogo ou do sistema defensivo. Nossa equipe tem um conjunto muito forte. Defendemos muito bem porque os atacantes lá na frente fazem a parte deles. E o meio de campo também. Da mesma forma que, quando fazemos os gols, é porque desde lá de trás a bola chega limpa para o pessoal da frente".

O atleta comentou ainda sobre o técnico do Palmeiras, Roger Machado, que reencontra o Grêmio pela primeira vez desde que assumiu a equipe paulista, no final do ano passado. "É uma grande pessoa. Tive a oportunidade de trabalhar com ele, assim como muitos jogadores do atual elenco. Temos uma grande admiração por ele e por tudo que ele fez aqui. Mas ele é nosso adversário agora. A gente sabe das qualidades que ele tem, a maneira como monta as equipes dele, e o Renato da mesma forma. Então vai ser um grande confronto, de dois grandes treinadores, duas grandes equipes que buscam ser campeãs ao final do campeonato", completou.