• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Ocon revela que Pérez pediu desculpas por batida no GP de Cingapura

  • COMPARTILHE
Esportes

Ocon revela que Pérez pediu desculpas por batida no GP de Cingapura

Os dois pilotos da Force India se chocaram e Ocon acabou fora da disputa, enquanto Pérez, que ainda se envolveu em outro incidente com o russo Sergey Sirotkin, terminou apenas na 16ª colocação

O piloto francês Esteban Ocon revelou nesta segunda-feira que o mexicano Sergio Pérez pediu desculpas pelo acidente ocorrido na saída da curva 3 do circuito de rua de Marina Bay, no GP de Cingapura de Fórmula 1, disputado no domingo.

Os dois pilotos da Force India se chocaram e Ocon acabou fora da disputa, enquanto Pérez, que ainda se envolveu em outro incidente com o russo Sergey Sirotkin, terminou apenas na 16ª colocação, uma volta atrás de Lewis Hamilton, piloto da Mercedes que venceu a corrida.

A equipe, por intermédio do chefe Otmar Szafnauer, proibiu futuras disputas por posição entre seus pilotos. Atitude já tomada ano passado pelo mesmo motivo.

"Ele me pediu desculpas", disse Ocon ao site da revista inglesa Autosport. "O problema é que tínhamos condições de marcar pontos os dois. E acabamos voltando para casa sem nada", afirmou o francês, que não tem lugar garantido na próxima temporada.

Os dois pilotos da Force India em 2019 deverão ser o próprio Pérez e o canadense Lance Stroll, que deve sair da Williams para correr pela equipe que agora tem o seu pai como principal responsável. A situação de Ocon sensibilizou até mesmo Hamilton e o alemão Sebastian Vettel, que recentemente destacaram as qualidades do piloto de 22 anos.

A próxima etapa da Fórmula 1 acontece no dia 30, na Rússia, no circuito de Sochi. Depois vão faltar apenas mais cinco provas. Hamilton lidera com 281 pontos, contra 241 de Vettel. Pérez é o décimo na classificação, com 46 pontos. Ocon tem apenas um ponto a menos.