• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Ponte dá solidariedade total a Abel Braga e não questiona adiamento de jogo

  • COMPARTILHE
Esportes

Ponte dá solidariedade total a Abel Braga e não questiona adiamento de jogo

Por coincidência, no início desta semana a comissão técnica da equipe campineira liberou do elenco Fábio Braga, meio-campo de 24 anos, também filho de Abel Braga

Campinas - Solidariedade total. É desta forma que a direção da Ponte Preta se expressou sobre o adiamento da partida que faria contra o Fluminense, neste domingo à tarde, no estádio Moisés Lucarelli. Não só pela morte trágica de João Pedro Braga, de 18 anos, como os fortes laços de relacionamento que o time campineiro tem com o técnico Abel Braga, que perdeu seu filho caçula nesta manhã, no Rio de Janeiro.

Por coincidência, no início desta semana a comissão técnica da equipe campineira liberou do elenco Fábio Braga, meio-campo de 24 anos, também filho de Abel Braga. Ele participou de alguns jogos nesta temporada com a camisa da Ponte. Mas o relacionamento entre o clube e o técnico é antigo porque juntos viveram um momento delicado da história do time paulista.

Em 2003, Abel Braga assumiu o comando técnico da Ponte Preta com a missão de livrá-la do rebaixamento dentro do Campeonato Brasileiro. Era também um período financeiro muito difícil do clube, que tinha contas bloqueadas e passou a atrasar salários e compromissos com fornecedores. Mesmo assim, a Ponte Preta se livrou do rebaixamento na base da garra e muito do controle do técnico sobre o grupo. Motivo também para ele ser muito querido pela torcida pontepretana.

O técnico Gilson Kleina também tem relação próxima com Abel. Ele foi seu auxiliar do treinador por vários anos, inclusive trabalharam juntos na França. "Fiquei chocado. Simplesmente é algo difícil de acreditar. Uma tragédia e que a gente nem pode imaginar o sofrimento de um homem tão paizão como o Abel. Nestes momentos, o futebol deixa de ser prioridade. O ser humano fica em primeiro lugar", disse Kleina, que liberou os seus jogadores até segunda-feira cedo.

Na próxima quarta-feira, às 21 horas, a Ponte Preta enfrenta o Vitória, em Salvador, pela 18.ª rodada do Brasileirão.

O comunicado oficial do adiamento ocorreu por volta das 15 horas, em contato de Manoel Flores, diretor de competições da CBF. Na parte administrativa, pouco mais de mil ingressos tinham sido vendidos por antecedência. Segundo a direção do clube, os bilhetes vão valer para o próximo dia 9 de agosto. Ou os torcedores poderão ser ressarcidos a partir de segunda-feira. A direção do clube, neste momento trágico, não comentou nada sobre eventual prejuízo financeiro ou técnico com o adiamento do jogo.