• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Por gratidão a Cuca, Róger Guedes diz não querer sair do Palmeiras

  • COMPARTILHE
Esportes

Por gratidão a Cuca, Róger Guedes diz não querer sair do Palmeiras

A ligação com o treinador levou o atacante a atuar até mesmo como lateral-direito

São Paulo - O interesse de clubes europeus não deve ser suficiente para tirar o atacante Róger Guedes do Palmeiras. Nesta terça-feira, o jogador disse em entrevista coletiva não pensar em deixar o clube, pois está focado nos compromissos desta temporada e na gratidão ao técnico Cuca, considerado o responsável por apostar na contratação dele no ano passado, quando ainda despontava no Criciúma.

"Esse assunto de Europa eu deixo com meus empresários. Estou focado no Palmeiras, tenho contrato aqui. Foi o Cuca quem me trouxe. Sou grato a ele. No futebol ele é um pai para mim", disse Róger Guedes.

O atacante de 20 anos despertou o interesse do Spartak de Moscou, da Rússia, e da Atalanta, da Itália. Este último, aliás, avaliava oferecer R$ 36 milhões pelo atleta, segundo informações da imprensa italiana.

Roger Guedes foi aproveitado em todos os jogos do Palmeiras sob o comando de Cuca em 2017. A ligação com o treinador levou o atacante a atuar até mesmo como lateral-direito no segundo tempo do clássico com o Corinthians. "É uma relação muito boa minha com o Cuca, assim como com o Cuquinha também (auxiliar técnico). A gente conversa bastante e se entende muito bem", comentou.

O atacante disse que por ter reconquistado o espaço como titular com o retorno de Cuca, em maio, recuperou a confiança e não pensa em sair do clube. "Eu estou tranquilo. Meu pensamento é o Palmeiras. Enquanto continuar aqui, vou trabalhar para ajudar a equipe", disse.

ESCALAÇÃO CONTRA O FLAMENGO 

Na quarta-feira o Palmeiras enfrenta o Flamengo, no Rio, pelo Campeonato Brasileiro. Cuca definiu a escalação em treino fechado nesta terça. A provável formação titular deve ter: Fernando Prass; Mayke, Mina, Luan e Juninho (Michel Bastos); Thiago Santos, Bruno Henrique e Zé Roberto; Dudu, Róger Guedes e Willian.