• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Jogo do Brasil com o Equador pelas Eliminatórias já tem 25 mil ingressos vendidos

  • COMPARTILHE
Esportes

Jogo do Brasil com o Equador pelas Eliminatórias já tem 25 mil ingressos vendidos

As entradas variam de R$ 160 (R$ 80 para quem tem direito à meia-entrada) a R$ 800 (valor individual em camarote, sem direito à meia-entrada)

A 17 dias do jogo entre Brasil e Equador, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018, na Rússia, 25 mil ingressos já foram vendidos para a partida que será disputada na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, no próximo dia 31. Esta será a penúltima partida da seleção pelo qualificatório sul-americano em solo brasileiro. No dia 10 de outubro, o Brasil fecha sua participação na competição no Allianz Parque, em São Paulo, diante do Chile.

Por ora, os ingressos para a partida na capital gaúcha estão sendo vendidos somente pela internet. A partir da próxima segunda-feira começará a venda em pontos físicos - bilheterias da Arena do Grêmio, do Beira-Rio e também nas lojas da rede Multisom, todas em Porto Alegre.

Segundo a CBF, ainda há bilhetes para todos os setores do estádio. As entradas variam de R$ 160 (R$ 80 para quem tem direito à meia-entrada) a R$ 800 (valor individual em camarote, sem direito à meia-entrada).

Após o jogo com o Equador, a seleção vai à Barranquilla enfrentar a Colômbia, no dia 5 de setembro, pena antepenúltima rodada das Eliminatórias. No dia 5 de outubro, antes de encerrar o qualificatório diante do Chile, o Brasil encara a Bolívia, fora de casa, em La Paz.

Graças a uma incrível sequência de oito vitórias seguidas após Tite assumir o comando da seleção, o Brasil chegou aos 33 pontos na liderança disparada das Eliminatórias Sul-Americanas e assegurou classificação para a Copa de 2018 na rodada passada da competição, no dia 28 de março, quando superou o Paraguai por 3 a 0, no Itaquerão, em São Paulo.

Vice-líder do qualificatório, a Colômbia tem 24 pontos, enquanto Uruguai e Chile estão com 23 pontos e ocupam respectivamente a terceira e a quarta posições. A Argentina é apenas a quinta colocada, com 22, e hoje disputaria uma repescagem por uma vaga na Copa de 2018.