• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Luan fica perto do Spartak após presidente do Grêmio admitir negócio encaminhado

  • COMPARTILHE
Esportes

Luan fica perto do Spartak após presidente do Grêmio admitir negócio encaminhado

O jogador está prestes a ser oficializado como reforço do Spartak Moscou após o presidente do clube gaúcho, Romildo Bolzan, ter admitido que o negócio entre os dois times está "muito bem encaminhado"

Porto Alegre - O jogo que o Grêmio fará contra o Godoy Cruz, da Argentina, na noite desta quarta-feira, às 19h15, em sua arena, pelo duelo de volta das oitavas de final da Copa Libertadores, poderá ser o último do atacante Luan com a camisa gremista. O jogador está prestes a ser oficializado como reforço do Spartak Moscou após o presidente do clube gaúcho, Romildo Bolzan, ter admitido que o negócio entre os dois times está "muito bem encaminhado".

"O Grêmio se sente contemplado, os nossos pedidos foram atendidos. Estamos apenas concluindo pequenos detalhes, como prazos e garantias bancárias", revelou o dirigente em entrevista à Rádio Gaúcha, concedida na última terça-feira, quando também preferiu não confirmar que a venda já estava fechada porque ponderou que "detalhes" poderiam "derrubar o negócio".

Embora Luan seja considerado um jogador fundamental para as pretensões gremistas nesta temporada, na qual hoje o time também está na vice-liderança do Campeonato Brasileiro e lutará por vaga na final da Copa do Brasil em semifinais contra o Cruzeiro, Bolzan deixou claro que o alto valor que o Spartak está disposto a pagar pelo jogador é praticamente irrecusável neste momento de dificuldades financeiras enfrentadas pelo Grêmio.

E, ao falar sobre a venda que parece iminente, o dirigente afirmou até que vai "divulgar o valor do negócio" caso o mesmo seja, de fato, confirmado. "Não vejo por que não", ressaltou ao falar sobre a oferta russa, que inicialmente foi de cerca de 20 milhões de euros (aproximadamente R$ 73 milhões) e acabou subindo depois que o clube gaúcho fez uma contraproposta que foi aceita pelo Spartak.

A concretização do negócio, porém, depende também do próprio Luan, que precisa aceitar a proposta do clube russo e ir jogar em um centro menos badalado do futebol mundial na última temporada europeia antes da Copa do Mundo de 2018, justamente na Rússia, onde o atacante espera poder fazer parte da seleção comandada pelo técnico Tite. A tendência é a de que o jogador se manifeste sobre o seu futuro apenas após a partida contra o Godoy Cruz.

O Grêmio detém 70% dos valores econômicos de Luan, enquanto os outros 30% estão fatiados em três partes, com 10% para cada, divididas entre o empresário do jogador, Jair Peixoto, o investidor Celso Rigo e a empresa K2. Assim, o clube sabe também que não pode desperdiçar boas chances de lucrar com o atacante enquanto o mesmo vive grande fase e está valorizado.

Nesta sua possível despedida do Grêmio, Luan tentará ajudar a equipe a avançar às quartas de final da Libertadores após o time ter vencido o duelo de ida das oitavas por 1 a 0, no dia 4 de julho, na Argentina. Com isso, os gremistas terão a vantagem de poder atuar por um empate nesta quarta-feira.