• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

'Maratona' da Chapecoense vira trunfo para o Palmeiras no domingo

  • COMPARTILHE
Esportes

'Maratona' da Chapecoense vira trunfo para o Palmeiras no domingo

O atual campeão brasileiro conseguiu descansar atletas, dar folgas, variar os tipos de atividades e, por isso, se vê em vantagem diante de uma equipe que vem de uma maratona de compromissos internacionais

São Paulo - Na primeira semana livre para treinar após três meses, o Palmeiras chegará à próxima rodada do Campeonato Brasileiro, no domingo, em situação oposta à do adversário, a Chapecoense. O atual campeão brasileiro conseguiu descansar atletas, dar folgas, variar os tipos de atividades e, por isso, se vê em vantagem diante de uma equipe que vem de uma maratona de compromissos internacionais.

A Chapecoense jogou na última semanas contra o Barcelona, na Espanha, o Lyon, na França, e na última terça, perdeu a final da Copa Suruga para o Urawa Red Diamonds, no Japão. A delegação desembarcou no Brasil na quinta-feira e terá poucos dias para descansar, se readaptar ao fuso horário e voltar a atenção ao Campeonato Brasileiro. O time catarinense treinará em São Paulo para a partida de domingo, no Allianz Parque.

Pela condição desfavorável da Chapecoense, o Palmeiras admite estar em vantagem. "Jogamos contra o Vasco e eles devem estar cansados. Isso conta um pouco, mas não pode se deixar levar por isso. Tem de entrar forte, focado para não ser surpreendido em casa. Não esperamos jogo fácil", comentou o volante Thiago Santos nesta quinta-feira. A partida está marcada para as 19 horas do próximo domingo.

O ano movimentado da Chapecoense fez o time já ter entrado em campo 57 vezes em 2017. Já o Palmeiras disputou 50 jogos. A equipe catarinense disputou Campeonato Catarinense, Copa do Brasil, Copa da Primeira Liga, Copa Libertadores, Copa Suruga e amistosos, além de continuar na disputa da Copa Sul-Americana e do Campeonato Brasileiro.

O Palmeiras teve nesta semana os primeiros dias livres, sem jogos no meio dela, desde maio, quando o técnico Cuca retornou ao clube. A equipe deu dois dias de folga aos jogadores, treinou em dois períodos na quinta-feira e conseguiu recuperar atletas que estavam cansados.