• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Pimpão nega maldade com Berrío: 'Espero que não tenha sido grave'

  • COMPARTILHE
Esportes

Pimpão nega maldade com Berrío: 'Espero que não tenha sido grave'

A violência da entrada repercutiu e fez com que Pimpão se manifestasse nesta quinta, negando a intenção de machucar o colega

Já nos minutos finais do clássico entre Botafogo e Flamengo da última quarta-feira, no Engenhão, pela semifinal da Copa do Brasil, Rodrigo Pimpão foi o responsável por um lance duro. No meio de campo, o atacante alvinegro acertou o flamenguista Berrío com um forte carrinho, que inclusive motivou a substituição do colombiano, lesionado.

A violência da entrada repercutiu e fez com que Pimpão se manifestasse nesta quinta, negando a intenção de machucar o colega. "Gostaria de deixar claro a todos que em momento algum fui com intenção de machucá-lo, até mesmo por não querer levar o cartão, pois sabia que mesmo um amarelo iria me deixar de fora da próxima partida", escreveu em suas páginas nas redes sociais.

No lance, Pimpão acertou com a sola da chuteira a perna direita de Berrío, que torceu o tornozelo. O colombiano precisou ser atendido após a entrada, tentou seguir em campo, mas acabou pedindo a substituição. Depois da partida, o jogador divulgou foto com as marcas deixadas pelas travas do botafoguense em sua perna.

"Acabei chegando um pouco atrasado no lance e, no contato, ele acabou sentindo. Espero que não tenha sido nada grave", comentou Pimpão. "Em nove anos de carreira, nunca agredi/machuquei nenhum companheiro de trabalho, nunca foi do meu feitio. Quem me conhece, sabe a forma que me entrego dentro de campo e não desisto de uma bola sequer."

O jogador ainda revelou que se desculpou pessoalmente com Berrío após a partida. "Explano também que, após o jogo, procurei o Berrío para me desculpar e explicar o lance. Ele concordou e me entendeu, ficando assim tudo resolvido entre nós."