• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Vitória sedia simpósio para discutir futuro da categoria de base do futebol brasileiro

  • COMPARTILHE
Esportes

Vitória sedia simpósio para discutir futuro da categoria de base do futebol brasileiro

O evento, realizado em Vitória, contou com a participação de um grande público, entre jogadores, dirigentes, educadores e outros profissionais ligados ao esporte. Tetracampeão Mauro Silva foi um dos palestrantes

A importância e o futuro das categorias de base e, consequentemente, o futuro do futebol brasileiro foram os temas centrais discutidos nesta segunda-feira (31) no 1º Simpósio Brasileiro de Futebol de Base (Simbrafut).

O evento, realizado em Vitória, contou com a participação de um grande público, entre jogadores, dirigentes, educadores e outros profissionais ligados ao esporte. Cerca de 300 pessoas puderam acompanhar palestras e trocar ideias com especialistas no assunto. 

O tetracampeão mundial Mauro Silva, que atualmente é um dos vice-presidentes da Federação Paulista de Futebol (FPF), foi um dos palestrantes do simpósio, com a palestra "Investir na Formação Integral dos Atletas de Base e na Qualificação Profissional: um bom negócio para o Clube".

Mauro Silva contou um pouco da sua experiência como atleta e explicou algumas mudanças que estão sendo realizadas pensando na melhora do jogo coletivo e na descoberta de novos talentos, como a redução do campo para competições com atletas de pouca idade, como sub 11 e sub 9.

"O Brasil ainda revela muitos talentos, mas perdemos a rua, local onde a maioria dos jogadores eram revelados no Brasil. Hoje em dia, precisamos nos adequar as novas realidades. Muitos desses meninos não se tornarão jogadores, mas é necessário que eles joguem contentes, com alegria, para que se desenvolvam".

Outras palestras

O processo de formação dos atletas e a importância da categoria de base para os clubes também foram temas de palestras durante o Simbrafut. O diretor das categorias de base do Cruzeiro, Eduardo Freeland, foi um dos palestrantes.