• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Oficializado, Cícero será apresentado pelo Grêmio na quarta-feira

  • COMPARTILHE
Esportes

Oficializado, Cícero será apresentado pelo Grêmio na quarta-feira

Cícero, de 33 anos, rescindiu o seu vínculo com o São Paulo na semana passada, ficando livre para acertar com o Grêmio. O meia desembarcou nos últimos dias em Porto Alegre

Porto Alegre - A diretoria do Grêmio oficializou nesta terça-feira a contratação de Cícero, que foi acertada na semana passada. O clube gaúcho explicou que o polivalente meio-campista assinou um contrato válido por três meses, que poderá ser prorrogado para a temporada 2018, além de ter marcado a sua apresentação para as 15 horas desta quarta no CT Luiz Carvalho.

Cícero, de 33 anos, rescindiu o seu vínculo com o São Paulo na semana passada, ficando livre para acertar com o Grêmio. O meia desembarcou nos últimos dias em Porto Alegre para realizar os exames médicos necessários antes da assinatura do seu contrato.

Como as inscrições para o Campeonato Brasileiro já se encerraram, sendo que ele também superou o limite de jogos por outro clube - disputou dez partidas pelo São Paulo -, Cícero é reforço exclusivamente para a disputa da Copa Libertadores para o Grêmio, torneio em que o time está classificado às semifinais.

O novo reforço do clube gaúcho é um velho conhecido de Renato Gaúcho, com quem trabalhou no Fluminense, tendo sido peça importante do time dirigido pelo treinador que foi campeão da Copa do Brasil em 2007 e vice da Copa Libertadores em 2008.

O Grêmio tem até 48 horas antes do jogo de ida das semifinais da Libertadores para fazer três mudanças na sua lista de inscritos, sendo que o time vai enfrentar o Barcelona de Guayaquil em 25 de outubro no primeiro confronto, agendado para o Equador. A tendência é de que, além de Cícero, Renato inscreva o volante Cristian e o atacante Jael.

A inatividade, porém, pode ser um fator a atrapalhar Cícero no Grêmio, pois a sua última partida pelo São Paulo foi em 24 de julho. De qualquer forma, Renato e a diretoria do clube decidiram apostar na polivalência do jogador e na sua experiência para reforçar o time na reta final ds Libertadores.