• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Palmeiras bate Ponte Preta por 2 a 0 e mantém série positiva

  • COMPARTILHE
Esportes

Palmeiras bate Ponte Preta por 2 a 0 e mantém série positiva

Verdão está a nove pontos do líder Corinthians na 29ª rodada do Brasileirão

Foto: Site Oficial do Palmeiras

São Paulo - O técnico Alberto Valentim conseguiu na quinta-feira (19) a sua segunda vitória consecutiva à frente do Palmeiras apostando na mesma tática e escalação do triunfo sobre o Atlético Goianiense, no último domingo. Não mudou praticamente nada - foi a primeira vez desde o mês de maio que o Palmeiras repetiu os titulares. Com dinamismo no ataque, a equipe sofreu apenas no início da partida, com dois contra-ataques da Ponte Preta. Depois tomou conta do jogo no estádio do Pacaembu, em São Paulo.

As atuações consistentes da equipe, a exemplo do que havia acontecido em sua passagem no final do ano passado, fizeram com que os jogadores pedissem a efetivação do treinador. "Na minha opinião, que eu já dei para o Alexandre (Mattos, diretor), para o presidente, para todos, desde a primeira vez que saiu o Cuca, a gente queria que ele ficasse. A gente espera que ele faça um grande trabalho para que, se Deus quiser, ele possa ter a oportunidade de comandar definitivamente o time no ano que vem", afirmou o atacante Dudu.

Até torcedores, principalmente nas redes sociais, pedem uma chance ao treinador, que preferiu se esquivar. "Fico feliz com carinho do torcedor palmeirense. Estou tranquilo em relação isso. Estou procurando melhor trabalho. Temos de recuperar os jogadores para o jogo contra o Grêmio (neste domingo). Parece discurso já feito, mas não é. Estou pensando no próximo adversário, agora é o Grêmio", afirmou Alberto Valentim em entrevista coletiva após a vitória no estádio do Pacaembu.

Além de pensar no próximo rival, o Grêmio, em Porto Alegre, neste domingo, Alberto Valentim afirma que a sua tarefa é fazer com que os atletas assimilem rapidamente a sua forma de atuar. "Para continuar esse salto de qualidade, os jogadores precisam entender mais rapidamente o que peço. Tivemos três treinamentos. Precisamos melhorar muitas, como o coletivo em todos os setores", disse o treinador.

O jogo

O Palmeiras recebeu a Ponte Preta no Pacaembu na noite da última quinta-feira (19) em partida válida pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro. Pelo placar de 2 a 0, o Verdão venceu o rival com gols de Keno e Borja e chegou aos 50 pontos na tabela do Brasileirão, a mesma pontuação do vice-líder, Grêmio. O Alviverde, portanto, é terceiro colocado do certame – fica atrás da equipe gaúcha pelo critério de desempate de vitórias (o Tricolor soma 17 triunfos enquanto o Verdão possui 15).

Com o resultado positivo, o Palmeiras chegou ao 10º triunfo diante da Ponte Preta em jogos disputados no Pacaembu. O estádio municipal, inclusive, foi palco de 16 duelos entre o Verdão e a equipe de Campinas: o Alviverde perdeu apenas um. Foram dez vitórias e cinco empates, com 25 gols marcados e dez sofridos.