• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Rueda diz que meta é G4, mas admite que Flamengo precisa 'trabalhar melhor'

  • COMPARTILHE
Esportes

Rueda diz que meta é G4, mas admite que Flamengo precisa 'trabalhar melhor'

Na noite de segunda-feira, na conclusão na 26ª rodada do Campeonato Brasileiro, o time perdeu para a Ponte Preta, no Moisés Lucarelli, por 1 a 0

Campinas - No primeiro jogo após a derrota nos pênaltis na decisão da Copa do Brasil, o Flamengo voltou a decepcionar o seu torcedor. Na noite de segunda-feira, na conclusão na 26ª rodada do Campeonato Brasileiro, o time perdeu para a Ponte Preta, no Moisés Lucarelli, por 1 a 0. O técnico Reinaldo Rueda avaliou que a sua equipe teve organização, mas pecou nas finalizações.

"Foi um jogo muito intenso, mas não tivemos a sorte de somar pontos. O rival atuou com muita intensidade e também precisavam do resultado. Encontraram um gol, infelizmente para nós. O time se doou o tempo todo. O Flamengo teve organização, dinâmica e buscou o gol, mas não estivemos afinados para finalizar", analisou.

A derrota manteve o Flamengo com 39 pontos e em sétimo lugar no Brasileirão. Rueda apontou que o objetivo da equipe é ficar entre os quatro primeiros colocados, algo que renderia uma vaga na fase de grupos da Libertadores, mas destacou que a principal preocupação é fazer o time voltar a jogar bem.

"Essa é a meta. Temos que saber que nosso comprometimento é com a vaga na Libertadores. Caso consigamos ir diretamente para a fase de grupos, melhor. Mas temos que trabalhar e conquistar os resultados que nos deem essa posição. Essas posições são difíceis. Temos que falar menos e trabalhar melhor", afirmou.

Rueda terá tempo para fazê-lo, afinal, em razão da pausa no Brasileirão para compromissos das seleções nacionais, o Flamengo só voltará a jogar em 12 de outubro, em clássico contra o Fluminense, no Maracanã. O treinador espera que o time se saia melhor no seu próximo compromisso.

"Temos grandes nomes, jogadores com muita experiência. Cabe a nós assumirmos essa responsabilidade. Lamentavelmente, não estamos conseguindo os resultados de acordo com nossas expectativas. Essa será uma pausa que pode vir tanto para o bem quanto para o mal. Creio que tivemos uma boa atitude mental, apesar do jogo de quarta-feira. Jogou com disposição, organização, coletividade e agressividade. Esperamos que esse clássico seja positivo para nós", comentou.