• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Sandro Meira Ricci lidera trio de arbitragem do Brasil no Mundial de Clubes

  • COMPARTILHE
Esportes

Sandro Meira Ricci lidera trio de arbitragem do Brasil no Mundial de Clubes

Os brasileiros vão formar um dos seis trios selecionados para apitar as partidas do Mundial

O Brasil ainda não sabe se terá um time no Mundial de Clubes deste ano. Mas terá ao menos quatro representantes na competição da Fifa a ser disputada nos Emirados Árabes Unidos: o trio de arbitragem formado por Sandro Meira Ricci, Emerson de Carvalho e Marcelo Van Gasse e Wilton Sampaio, como árbitro de vídeo.

Os brasileiros vão formar um dos seis trios selecionados para apitar as partidas do Mundial, que será disputado entre 6 e 16 de dezembro, nas cidades de Abu Dabi e Al Ain. Foi selecionado um trio por confederação. Assim, Meira Ricci, Carvalho e Van Gasse vão representar a Conmebol.

O trio brasileiro é um dos mais experientes da competição, com atuações na Copa do Mundo de 2014, no Brasil, e nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, no ano passado. Em 2013, apitou a final do Mundial de Clubes.

O evento deste ano terá ainda os árbitros Felix Brych, da Alemanha, o usbeque Ravshan Irmatov, o senegalês Malang Diedhiou, o mexicano Cesar Arturo Ramos Palazuelos e o neozelandês Matthew Conger.

Como aconteceu no ano passado, o Mundial de Clubes terá a participação de árbitros de vídeo. Foram selecionados oito deles, três da Conmebol. Wilton Sampaio será o brasileiro entre eles. A Confederação Sul-Americana de Futebol terá ainda o argentino Mauro Vigliano e o uruguaio Andrés Cunha.

A Conmebol é uma das duas que ainda não definiu seu representante no Mundial. O time será definido somente no final do mês. Grêmio e Lanús são os finalistas da Copa Libertadores. A outra confederação que aguarda jogos decisivos é a da Ásia. O grande favorito ao título será o Real Madrid, atual campeão da Liga dos Campeões da Europa.