Enem 2020: conheça os procedimentos para o uso da máscara durante o exame

Geral

Enem 2020: conheça os procedimentos para o uso da máscara durante o exame

Apesar da obrigatoriedade do uso constante da máscara, a troca do utensílio está autorizada durante a prova

Foto: Ricardo Wolffenbuttel/Governo de SC

Mesmo em tempos de pandemia, as regras básicas para a realização do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) como, uso obrigatório de caneta esferográfica na cor preta e proibição de aparelhos eletrônicos no local de prova, continuam em vigor. Em virtude da contínua contaminação do novo coronavírus, a máscara de proteção facial se tornou mais um item na lista de obrigatoriedades para os candidatos durante a realização do exame.

No edital do "Enem 2020 impresso", modalidade em que os candidatos vão se dirigir aos locais de prova assim como nos anos anteriores, a máscara é colocada como item necessário não apenas para a realização da prova, mas para a entrada no local do exame. Veja o que consta nos itens do edital:

11.2 É proibida a entrada do participante no local de prova após o fechamento dos portões e sem a máscara de proteção à Covid-19.
11.3 O acesso à sala de provas será permitido com a apresentação de documento de identificação com foto válido, conforme itens 12.2 ou 12.4, utilizando a máscara de proteção à Covid-19, e dentro do horário estabelecido neste Edital.

Após adentar ao local de prova, o candidato só poderá retirar a máscara em dois momentos: na identificação antes da aplicação da prova e no momento em que o candidato for comer ou beber água. Vale ressaltar que o procedimento para a retirada da máscara nestes momentos também consta no edital. Confira o item:

12.6 Durante a identificação do participante, será necessária a retirada da máscara de proteção à Covid-19, sem tocar sua parte frontal, prosseguida da higienização das mãos com álcool em gel próprio ou fornecido pelo aplicador, antes de entrar na sala de provas.

Além a importância do utensílio de proteção, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) prevê o uso correto da máscara também como regra fundamental para a aplicação do exame.

Apesar da obrigatoriedade do uso constante da máscara de proteção facial, órgãos de saúde de todo o mundo recomendam a troca do utensílio durante o dia e o mesmo poderá ser feito durante o Enem. Também é importante ressaltar que o uso incorreto da máscara pode causar a eliminação do candidato antes mesmo de dar início à prova.

13.1.42 Comparecer ao local de provas utilizando máscara para proteção à Covid-19. A máscara deve cobrir totalmente o nariz e a boca do participante, desde a sua entrada até sua saída do local de provas. Será permitido que o participante leve máscara reserva para troca durante a aplicação.
14.1.29.1 O participante que não utilizar a máscara cobrindo totalmente o nariz e a boca, desde sua entrada até sua saída do local de provas, será eliminado do Exame, exceto para os casos previstos na Lei nº 14.019, de 2020, aos quais será dispensado o uso da máscara.

Ausência da máscara em casos excepcionais

O edital do Enem 2020 impresso apresenta casos em que os candidatos são dispensados do uso da máscara de proteção. Esses casos dizem respeito à pessoas que, por motivos de saúde ou impossibilidade física, não podem fazer o uso do utensílio.

13.1.42.1 Para os casos previstos na Lei nº 14.019, de 2 de julho de 2020, será dispensado o uso da máscara, conforme item 13.1.42 deste Edital, para pessoas com autismo, deficiência intelectual, deficiências sensoriais ou com quaisquer outras deficiências que as impeçam de fazer o uso adequado de máscara.