• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Congressista britânico acusa Facebook de enganar Parlamento do Reino Unido

  • COMPARTILHE
Geral

Congressista britânico acusa Facebook de enganar Parlamento do Reino Unido

O presidente do Comitê de Mídia do Parlamento do Reino Unido, Damian Collins, acusou o Facebook de enganar os parlamentares britânicos ao minimizar o risco de dados de usuários da rede social terem sido compartilhados sem consentimento. Collins afirmou que irá pedir ao diretor executivo do Facebook, Mark Zuckerberg, que compareça pessoalmente perante a comissão, que está investigando desinformações e notícias falsas.

Collins disse que o Facebook tem "consistentemente minimizado" o risco de vazamentos de dados e dado respostas enganosas ao comitê. "Alguém tem que assumir a responsabilidade por isso. É hora de Mark Zuckerberg parar de se esconder atrás de sua página no Facebook", comentou.

O parlamentar britânico também acusou o chefe da empresa de dados Cambridge Analytica, Alexander Nix, de mentir. No mês passado, Nix disse ao comitê que sua empresa não recebeu dados de um pesquisador acusado de colher milhões de informações pessoais dos usuários do Facebook. Na sexta-feira, o Facebook suspendeu a Cambridge Analytica, mais conhecida por trabalhar na campanha do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, em 2016, devido a alegações de que a companhia manteve dados de usuários obtidos indevidamente depois de alegar que havia excluído as informações.

O ex-funcionário da Cambridge Analytica Crhis Wylie afirmou que a empresa colheu informações de 50 milhões de usuários do Facebook, usando esses dados para criar perfis psicológicos para que os eleitores pudessem ser direcionados a anúncios e histórias. Collins disse que convocaria Nix para comparecer perante o comitê novamente. "Parece claro que ele deliberadamente induziu o comitê e o Parlamento ao erro dando declarações falsas", afirmou o parlamentar. Fonte: Associated Press.