• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Juiz alemão mantém ex-presidente da Catalunha na prisão

  • COMPARTILHE
Geral

Juiz alemão mantém ex-presidente da Catalunha na prisão

De acordo com Guentge, durante a audiência a corte de Neumuenster também escutou argumentos do advogado de Puigdemont

Um tribunal na Alemanha determinou que o ex-presidente regional da Catalunha, Carles Puigdemont, deverá permanecer detido enquanto o processo de extradição à Espanha prossegue, o que pode demorar semanas, de acordo com Georg Guentge, fiscal estatal de Schleswig-Holstein. De acordo com Guentge, durante a audiência a corte de Neumuenster também escutou argumentos do advogado de Puigdemont, que disse que a solicitação de extradição apresentada por Madri tem inconsistências.

Guentge disse que o juiz rechaçou a moção do advogado do político catalão, mas sinalizou que os temas podem ser abordados novamente durante o processo de extradição que teve início nesta segunda-feira. A sessão, que ocorreu a portas fechadas, aconteceu um dia depois de diversos protestos na Catalunha após a detenção de Puigdemont. Dezenas de milhares de pessoas se manifestaram na tarde de domingo em Barcelona e em outras cidades catalãs, e alguns manifestantes enfrentaram a polícia.

O Tribunal Supremo e o governo da Espanha acusam Puigdemont de rebelião e de desvio de fundos públicos para a organização de um plebiscito ilegal sobre a independência da Catalunha. Fonte: Associated Press.