• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Programa do Secri tem opções de atendimento para toda a família

  • COMPARTILHE
Geral

Programa do Secri tem opções de atendimento para toda a família

Com palestras, reuniões e cursos profissionalizantes, todos os membros da família são beneficiados com as ações do Programa de Estruturação Familiar

Iures Wagmaker

Redação Folha Vitória
O curso de manicure é uma das opções do Secri | Foto: Divulgação/Secri

O trabalho do Serviço de Engajamento Comunitário (Secri), instituição apoiada pelo Instituto Americo Buaiz, não fica restrito apenas às crianças, adolescentes e jovens. Além dos atendimentos desenvolvidos nos programas Crer Com as Mãos, Brincarte e Juventude, o Programa de Estruturação Familiar (PEF) presta serviços para toda a família.

De acordo com a coordenadora do programa e assistente social Katiana Rodrigues Carvalho, o foco do projeto não é voltado somente à uma faixa etária, mas sim para toda a família. "É trabalhado por meio das ações de atendimento e acompanhamento permanente. Nosso objetivo é garantir a promoção social", disse.

As ações são desenvolvidas por meio dos encaminhamentos do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) da região atendida pelo instituto e também pelos encaminhamentos internos da instituição, provenientes de outros programas. "As ações são de orientações a indivíduos e famílias. Temos reuniões e palestras educativas para todos", contou a coordenadora.

Leia também: 'Viramos notícia boa': voluntária do Secri fala sobre parceria com o Instituto Americo Buaiz

Os assuntos abordados nas reuniões, realizadas quinzenalmente às quartas-feiras, são escolhidos de acordo com a necessidade do momento, que podem ser sobre drogas, álcool e outros temas de interesse mútuo.

Apesar de ser relizado um cadastro das famílias para melhor organizar os atendimentos do programa, Katiana disse que este não é um pré requisito para participar das ações da instituição. "Atendemos toda a comunidade. Se alguém chegar procurando orientações, nós vamos acolher", afirmou.

Somados aos atendimentos contínuos que acontecem desde 2017, até o final do mês de fevereiro mais de 280 cadastros estão ativos. Somente no mês passado, 57 famílias foram atendidas. Ao todo, os arquivos guardados somam mais de 800 famílias cadastradas no programa.

Pensando em aumentar a possibilidade de aumentar a renda das famílias, o programa também oferece cursos de formação para as famílias atendidas, visando o mercado de trabalho com cursos de manicure, cuidador de idosos e cuidador infantil. Somente em 2017, foram 65 pessoas atendidas.

Para a coordenadora, o programa é mais uma forma de cumprir com a missão do Secri, de ser um agente de transformação na vida das pessoas. "Trabalhamos nessa perspectiva na base de orientação e apoio a todos os indivíduos. Temos a missão de ser esse agente e desenvolver esse papel. É um projeto de vida", concluiu.