• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Jardins de Domingos Martins fazem sucesso entre os visitantes

  • COMPARTILHE
Geral

Jardins de Domingos Martins fazem sucesso entre os visitantes

O cartão postal recebe atenção especial da prefeitura que se dedica para manter a beleza do lugar

Os jardins e canteiros que ficam em Domingos Martins são cartões postais da cidade e motivos de orgulho para moradores da região Serrana e, por esse motivo, recebem uma atenção especial da prefeitura que se dedica para manter os jardins saudáveis.

A revitalização dos espaços é realizada três vezes por ano e as novas mudas são plantadas de acordo com o clima. No inverno são plantadas as espécies beijo, patinho, rabo de galo, sálvia e celosa. O outono é enfeitado com as cores da begônia, azedinha, mini lantana, gerânios, petúnias, boca de leão e onze horas. Já na primavera são plantadas as mudas de amor perfeito, boca de leão, sálvia, begônia e azedinha.

A equipe de jardineiros da Prefeitura realiza também o trabalho de podas de gramas e árvores de pequeno porte e utilizam cerca de 20 mil quilos de esterco e de 2 a 3 mil mudas de plantas por ano.

O jardineiro José Fraga Carolino, do setor de Parques e Jardins da Secretaria de Obras, é quem há 22 anos cuida das flores no município e contou a rotina de cuidados realizados para manter a cidade linda e florida o ano inteiro.

“As pessoas tiram muitas fotos por aqui e acredito que é porque nossos jardins são bonitos e ajudam a embelezar nosso ambiente e prédios históricos. Cuidamos das plantas como se fossem uma criança. Fazemos tudo porque amamos nosso ofício, por isso que Domingos Martins é um lugar romântico!”, diz.

O jardineiro ainda reforçou que o jardim recebe um trabalho muito dedicado para que continue fazendo sucesso entre os turistas. “O segredo é preparar e adubar bem a terra na hora do plantio, isso vai fazer a planta ficar bonita. É preciso cuidar bem, colocando esterco, palha de café e calcário”, conta Carolino.