• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Mãe acusa hospital de aplicar medicação vencida em filho que trata leucemia em Vitória

  • COMPARTILHE
Geral

Mãe acusa hospital de aplicar medicação vencida em filho que trata leucemia em Vitória

O presidente do Coren, Wladimilson Gama Almeida, tirou dúvidas dos telespectadores na manhã desta sexta-feira (27)

A mãe de uma criança que passa por um tratamento contra a leucemia acusou o Hospital Infantil de Vitória, onde ele está internado, de aplicar medicação vencida no filho.

Imagens mostram o frasco etiquetado com todos os dados do menino Enzo Sperotto, e a data de fabricação: março de 2016 e o vencimento em fevereiro de 2018.

Quais os riscos de usar remédio fora do prazo de validade? Os responsáveis ou o hospital podem ser punidos? O programa Fala Manhã desta sexta-feira (27) conversou com o presidente do Conselho Regional de Enfermagem do Espírito Santo (Coren), Wladimilson Gama Almeida para esclarecer dúvidas dos telespectadores. 


Assista a entrevista completa:

Por nota, a direção do Hospital Estadual Infantil de Vitória reconheceu que este fato não pode ocorrer e informou que a equipe que estava no plantão no setor de oncologia de quarta-feira (25) foi advertida. Ainda segundo a direção, na manhã desta sexta-feira (27), foi feita uma vistoria no almoxarifado da farmácia e em todas as enfermarias do hospital onde ficam os insumos e não foi localizado nenhum frasco de soro com data vencida. A direção reforçou o processo de trabalho junto às equipes sobre a recomendação de segurança e qualidade na assistência ao paciente.