• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Moradores denunciam queima e descarte indevido em área de proteção ambiental

  • COMPARTILHE
Geral

Moradores denunciam queima e descarte indevido em área de proteção ambiental

Famílias que moram nas proximidades estão preocupados e pedem que o lixo não seja despejado no local

Marcela Cota

Redação Folha Vitória

Moradores denunciam que uma área de proteção ambientação em Hélio Ferraz, no município da Serra, tem sido usada para descarte de lixo e entulho. O espaço fica às margens da Rodovia Norte Sul e os moradores de um condomínio que fica ao lado do local acompanham diariamente a destruição da vegetação.

Uma moradora, que prefere não se identificar, explica que muitos carroceiros jogam o lixo e depois ateiam fogo. ''Entre os Condomínios Arboretto e Vivaldi há uma área de vegetação, porém, as pessoas estão fazendo desta área um lixão'', comenta.

A estudante, Estella Nice, moradora do bairro, também afirma que frequentemente os montes de lixo são incendiados e após a queima dos entulhos, a fumaça atinge os prédios. ''Toda a fumaça entra nos apartamentos dos moradores. Isso prejudica a nossa saúde'', relata. Eles ainda ressaltam que a fumaça pode ser vista desde a BR-101 e na reta do aeroporto.

Ao ser consultada, a Prefeitura Municipal da Serra informou que no local existe um curso d'água e, por lei, estas regiões são áreas de proteção ambiental. A prefeitura informou ainda que frequentemente limpa a área. Além disso, o responsável pelo caminhão que provocou a queima de pneus no local foi identificado, notificado e multado e o caso será encaminhado para o Ministério Público. Os moradores podem encaminhar fotos e vídeos de entulhos jogados em locais inadequados pelo WhatsApp (27)9 9976-2595.

Em contrapartida, a Polícia Militar Ambiental disse que não tem conhecimento do fato e orienta a população a fazer denúncias no Ciodes (190) ou Disque-Denúncia (181).

Veja vídeo!